Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Todas as novidades do Salão do Automóvel de São Paulo

Na manhã desta quarta-feira, o evento abre as portas ao público no Anhembi

Sem shows com dançarinos correndo entre jornalistas e convidados e aparições de atletas famosos e celebridades – as marcas do primeiro dia do evento -, o segundo dia do Salão do Automóvel de São Paulo teve um clima mais ameno, tanto na produção quanto no ambiente dentro do Anhembi. Por causa da chuva que desabou sobre a cidade na tarde desta terça-feira – véspera da abertura ao público, que acontece na manhã desta quarta -, a temperatura dentro do pavilhão ficou mais agradável, para o alívio de quem esteve lá. E mesmo com apresentações com menos pirotecnia em comparação com as do dia anterior, não faltaram atrações de peso. Entre as mais aguardadas figurava o SRT Viper, estrela do estande da americana Chrysler. Posicionado em um local de destaque, cercado por veículos das marcas Dodge, Chrysler e Jeep, o esportivo com carroceria na cor vermelha ainda não tem previsão para ser vendido no país. Nos Estados Unidos, o modelo será oferecido a partir do mês que vem por quase 98.000 dólares. Além dele, a montadora promoveu o lançamento dos jipões Dodge Durango e do Jeep Grand Cherokee, na versão turbodiesel. O primeiro chega às lojas brasileiras em dezembro, enquanto o segundo tem previsão de início de vendas para o primeiro semestre de 2013. Os preços de ambos não foram divulgados.

Outra marca que preferiu manter os preços de suas novidades em sigilo foi a Kia Motors. A montadora coreana prometeu trazer a partir do primeiro trimestre do ano que vem os novos Cerato e Quoris, um sedã de luxo com mais de cinco metros de comprimento. A Porsche foi objetiva na apresentação de seus novos produtos, com destaque para os novos 911 Carrera 4S e as versões GTS do Panamera e Cayenne, que custam respectivamente 609.000, 649.000 e 499.000 reais. No espaço da Volvo o destaque foi o hatchback V40, considerado um dos carros mais seguros do mundo e que tem previsão de aportar por aqui em 2013. A montadora sueca também não revelou o preço da novidade.

O menor dos JAC chega às lojas da marca no mês que vem a partir de 33.900 reais e entra na briga direta com os asiáticos Hyundai HB20, Toyota Etios e Nissan March. Também estreia recheado de equipamentos. Entre os principais destacam-se ar-condicionado, direção elétrica, trio elétrico, freios com ABS e airbag duplo Deve vir com motor 1.4 com 108 cavalos.

As britânicas Jaguar e Land Rover, as duas marcas pertencentes ao grupo indiano Tata Motors, também focaram em um único produto: o esportivo F-Type e o novo Range Rover Vogue, ambos lançados dias atrás no Salão de Paris e com estreia no mercado nacional programada para o início de 2013. Em março, a Ssangyong deve promover as vendas do sedã de luxo Chairman CW 700, que deve custar perto de 200.000 reais. Entre os utilitários esportivos, especialidade da marca coreana, os destaques são os novos Actyon Sports e Rexton W. A picape poderá ser vista nas vitrines a partir de novembro, enquanto o SUV chega em janeiro. A tabela do Actyon começa em 94.000 reais. Já o jipão deve manter o valor do atual modelo 2012, de 140.000. A chinesa Chery lançará o sedã Celer, produzido no Brasil, em dezembro e ainda sem preço definido. O trio esportivo S – S6, S7 e S8 – fecham o ano da Audi. Para levar um deles para casa, é preciso desembolsar 450.000, 500.000 e 650.000, nesta ordem. Para o início de 2013, a aposta é o A3 Sport. Na rival BMW, o Série 6 GranCoupe é prometido para a primeira quizena de dezembro.

Leia também:

As novidades que estarão no Salão do Automóvel de São Paulo

Os lançamentos, como chegar, o que ver, o mapa das atrações

Do Salão para as lojas: quando chegam as novidades deste ano

Neymar e surpresas – Na segunda-feira, primeiro dia da prévia de imprensa do Salão, nada menos que dezoito montadoras – entre elas as chamadas quatro grandes, Fiat, Ford, General Motors e Volkswagen, que dominam o mercado nacional – anunciaram suas novidades. Um dos destaques do primeiro dia ficou por conta da General Motors, que mostrou oficialmente o Chevrolet Trailblazer, o substituto do veterano Blazer, com estreia nas lojas marcada para novembro. O preço ainda é um mistério. O mesmo não se pode dizer do novo compacto Onix, revelado no domingo e que teve sua tabela divulgada na íntegra nesta segunda-feira (com preços entre 31.690 e 41.990). A Volkswagen, por sua vez, apesentou o Gol duas portas, tendo o craque Neymar no papel de motorista. Diante dele, o presindente mundial da VW, Martin Winterkorn, outro convidado especial da festa. A montadora também aproveitou para revelar os preços do novo Fusca – 76.600 reais (manual) e 80.990 (DSG) – e do cupê CC (208.024 reais).

A Hyundai surpreendeu ao anunciar o HB20X, a versão aventureira do recém-lançado HB20, prevista para estrear por aqui em março do ano que vem, e a nova geração do hatchback i30, que chega antes (janeiro ou fevereiro de 2013) já com motor flex. A Fiat, por sua vez, decepcionou – mostrou apenas o 500C e algumas versões especiais de sua gama atual. A presença de uma Ferrari 458 Spyder e de um Maserati GranCabrio Sport no estande amenizou a escassez de novidades da fabricante italiana. A Ford trouxe os três novos Fs – Fiesta, Focus e Fusion -, mas desconversou quanto a preços e prazos de lançamento. A Lexus, divisão de luxo da Toyota, anunciou sua nova linha de produtos e que inclui o hatch híbrido CT200h, por 149.000 reais.

A própria Toyota segue na mesma toada com o híbrido Prius, sucesso de vendas no Japão e nos Estados Unidos. Ele começa a ser vendido no mercado nacional em janeiro, a partir de 120.000 reais. O primeiro exemplar já tem dono, o ex-craque do Flamengo e da seleção brasileira Zico, atualmente no comando do Iraque. A arquirrival Honda trouxe para o Brasil seu presidente mundial, Takanobu Ito, para anunciar a chegada da divisão Acura ao país em 2015 e o Fit Twisty, outro monovolume travestido de fora de estrada com estreia marcada para o mês que vem. Com câmbio manual, o Fit aventureiro parte de 57.900 reais e o automático, 60.990.

Leia também:

Os supercarros de James Bond em 50 anos no cinema

Test drive: o novo EcoSport, todo novo mesmo, e bem melhor

Mini Cooper S Roadster: o prazer de dirigir sem capota