Clique e assine com 88% de desconto

Tite lamenta saída de Alex e coloca Douglas na vaga

Por Da Redação - 17 jul 2012, 18h10

Por Fábio Hecico

São Paulo – Para o lugar de Leandro Castán, Tite tem Paulo André. Romarinho já havia ocupado o lugar de Willian como reserva direto e Gilsinho não fará grande falta. Mas reformulação do elenco campeão da Libertadores pode começar a virar problema com a saída de Alex. O substituto do meia será Douglas, mas Tite sabe que não será fácil remontar o time, até pela diferença de característica dos dois.

“Sempre coloquei em todos a ideia de ficarem. A direção fez, o técnico fez, houve conversas, conscientização, mas não deu. É o quarto reajuste na equipe e essa é minha atribuição: onde vai ter velocidade, onde vai ter armação, dar profundidade, essa engrenagem toda”, lembrou o treinador.

A substituição de Alex por Douglas no time titular não será simples. “Tem que ter cuidado com o Douglas. Antes ele era opção, às vezes entrava 15 minutos, mas agora vai ter que ser no jogo inteiro”, lembrou Tite, apontando melhora na condição física do ex-meia do Grêmio.

Publicidade

“Ele está em sua condição física, o que carece é de jogo. Ele vai entrar em equipe mais entrosada, com tempo maior.”

Para ajudar a remontar o time, o treinador terá dois reforços internacionais, o meia-atacante argentino Martínez, ex-Vélez, e o atacante peruano Pablo Guerrero, ex-Hamburgo. “Guerrero é jogador de área, bom cabeceador, faz pivô, é competitivo. Trouxemos atletas de qualidade. Saiu o Willian e vem o Martínez, que tem característica parecida”, lembrou Tite.

Para o jogo desta quarta-feira, contra o Flamengo, no Rio, o treinador não poderá contar com Jorge Henrique, ainda se recuperando de contusão. O substituto não é segredo para ninguém: Romarinho. “O Jorge Henrique, pelo teve, o critério é o retorno ao time titular. Não vai jogar pelo pouco tempo de treino e pelo estado gripal, mas não vamos abrir mão da arma dele nem que seja no banco”, explicou o treinador.

Publicidade