Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tinga minimiza falta de ritmo e espera estrear sábado pelo Cruzeiro

O volante Tinga acredita que terá condições de estrear pelo Cruzeiro no próximo sábado, quando Raposa enfrenta o Náutico, no estádio dos Aflitos. O jogador garante que, apesar do pouco tempo de contato com os novos companheiros, já se sente confortável para ajudar e aposta que a vontade dentro de campo compensa a falta de entrosamento.

‘Ainda tenho alguns treinos para fazer. Fiz o meu primeiro treinamento com o grupo e sei que tenho pouco tempo para entrosar. Mas, a vontade que eu estou supera essa falta de entrosamento. Espero que, no sábado, eu já esteja vestindo a camisa do Cruzeiro, que é um dos meus objetivos, depois que eu assinei. Estou com muita ansiedade para estrear’, afirmou.

Já sobre a falta de ritmo de jogo, Tinga não se mostrou preocupado. O volante atuou pela última vez há duas semanas, na decisão do Campeonato Gaúcho, quando ajudou o Internacional a vencer o Caxias, no Beira-Rio, em Porto Alegre, e conquistar o título. Por isso, a falta de ritmo não será problema.

‘Joguei há dois domingos atrás, na final do Estadual. Foi meu último jogo. Então, a questão do ritmo não vai ser problema nenhum’, comentou Tinga, que acredita que o Cruzeiro vai demorar um pouco para se adaptar ao estilo do técnico Celso Roth, mas o atleta já enxerga uma evolução.

‘O time vai levar algum tempo para ter cara do Celso, mas já há um acréscimo no sentido de defender. A equipe não tomou gol, já é um início de um bom trabalho. Acredito que o time para ser bom e vencedor, precisa ser feito de trás para frente e aqui não está sendo diferente. Celso está procurando ajeitar o sistema defensivo’, declarou.