Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Thomaz Bellucci erra muito e cai na estreia em Roland Garros

(Atualiza com desafios de outros brasileiros)

Redação Central, 26 mai (EFE).- O brasileiro Thomaz Bellucci voltou a viver um dia de inconstâncias e muitos erros e perdeu de virada em sua estreia em Roland Garros, nesta segunda-feira, para o sérvio Viktor Troicki por 3 sets a 2, com parciais de 4-6, 6-3, 5-7, 6-3 e 6-2.

Embalado com a subida para o número 66 do ranking mundial, que o coloca perto dos Jogos Olímpicos, Bellucci começou bem a partida e partiu para cima do rival, fechando o primeiro set em 6-4.

Na parcial seguinte, Troicki mostrou que o esforço feito em mais de duas horas de partida na decisão da Copa do Mundo de tênis por equipe, contra o checo Radek Stepanek, no domingo, não o iria atrapalhar na busca por uma boa estreia no Grand Slam francês, e superou o brasileiro por um consistente 6-3.

O terceiro set parecia ser o que mais demonstraria a superioridade do 28º cabeça de chave da competição. Rapidamente, Troicki abriu 5-2, sem dar chance a seu oponente. Contudo, Bellucci viveu seu melhor momento da partida e buscou uma virada espetacular, fechando o set em 7-5.

Se aquele era o momento do brasileiro se afirmar em quadra e partir para a vitória, o efeito acabou sendo o contrário. O quarto set começou com o sérvio abrindo 4-0 no placar, com o brasileiro reclamando de dores no pé. No fim da parcial, Bellucci até melhorou, mas não conseguiu evitar a derrota por 6-3.

No set derradeiro, o sérvio quebrou o serviço do brasileiro no quarto game, praticamente garantindo a vitória diante do desânimo do adversário. Após a quebra, sem dificuldades, Troicki fez 6-2 e fechou o jogo.

O sérvio agora vai enfrentar o italiano Fabio Fognini, que venceu na primeira rodada o francês Adrian Mannarino por 3 sets a 0.

Com a derrota de Bellucci, o Brasil ficou sem representantes na chave de simples. Também nesta segunda, Rogério Dutra Silva, que havia saído do qualifying, perdeu para o americano John Isner, décimo cabeça de chave, por 3 sets a 0 (6-3, 6-4 e 6-4). Ontem, João Souza abandonou a partida contra o alemão Cedrik-Marcel Stebe no segundo set com placar de 2-0 contra, e após ter perdido o primeiro por 6-3.

Os únicos tenistas do país remanescentes no torneio disputam a chave de duplas, em parceria com estrangeiros: Bruno Soares, que faz parceria com o americano Eric Butorac, Marcelo Melo, que joga com o croata Ivan Dogic, e André Sá, companheiro do tcheco Michal Mertinak. EFE