Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Thiago Motta, do PSG, anuncia aposentadoria aos 35 anos

Jogador brasileiro naturalizado italiano, com passagens vitoriosas por Barcelona e Inter de Milão, sonha agora em ser treinador do PSG no futuro

O meio-campista brasileiro naturalizado italiano Thiago Motta, do Paris Saint-Germain, anunciou nesta segunda-feira que esta temporada será a última de sua carreira. O jogador de 35 anos, com passagens por Barcelona, Atlético de Madri, Genoa e Inter de Milão, será treinador e começará a nova carreira comandando a equipe sub-19 do PSG.

“Me sinto muito bem, ainda que um pouco triste em terminar minha carreira. O balanço é muito positivo, com lindas lembranças”, disse Motta, em entrevista publicada nesta terça-feira pelo jornal francês L’Équipe. Ele deve atuar nesta terça-feira na decisão da Copa da França, contra o Les Herbies, e ser homenageado nas últimas partidas pelo clube.

Um jogador sempre quer continuar, mas é preciso saber o momento certo de parar. E, para mim, esse é o caso”, afirmou o meia, que conviveu com muitas lesões ao longo dos últimos anos. “Nesse nível, não pude continuar. Eu olho para os meus companheiros, especialmente os mais jovens, e sinto a diferença. Eu posso ajudar de outras formas, mas não mais como protagonista.”

Motta fez um balanço de sua vitoriosa carreira e lamentou especialmente não ter podido jogar as finais das duas Ligas dos Campeões que conquistou, com o Barcelona em 2006, e com a Inter de Milão, em 2010.  “Eu achei que este ano seria melhor, mas não aconteceu.”

Segundo capitão do atual campeão francês por antecipação, atrás do brasileiro Thiago Silva, Motta elogiou a qualidade de seus companheiros Marco Verratti, Giovani Lo Celso e Adrien Rabiot. “Rabiot pode ser melhor que eu. Na sua idade (23 anos), eu não era tão forte. Tem um potencial enorme e pode jogar em várias posições”, disse.

Sobre seu futuro, Motta não esconde que planeja um dia se tornar treinador do Paris Saint-Germain. “Vou avançar etapa por etapa, mas não vou esconder. Tenho essa ideia na minha cabeça, embora ache que ainda esteja longe.”

Motta conquistou 27 títulos. Embora tenha nascido em São Paulo e jogado nas categorias de base do Juventus, o volante não jogou profissionalmente por nenhum clube brasileiro. Ele participou de 30 partidas com a seleção italiana e disputou as Eurocopas de 2012 e 2016, além da Copa do Mundo de 2014, justamente no Brasil.

Thiago Motta é titular da equipe italiana Inter de Milão

Thiago Motta foi campeão da Liga dos Campeões de 2010 pela Inter de Milão (Paolo Bruno/Getty/VEJA)

(com agência EFE)