Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tevez diz que Roberto Mancini o ‘tratou como um cachorro’

Na ocasião, Tevez teria se recusado a entrar em campo e, por isso, foi afastado pela diretoria do clube a pedido de Roberto Mancini. No entanto, a versão revelada pelo jogador à emissora argentina Fox Sports é diferente.

‘Estava me aquecendo, mas estava de mau humor. Quando vi que o técnico ia substituir Dzeko (atacante) por Nigel de Jong (volante) enquanto perdíamos por 2 a 0, pensei que era uma substituição defensiva demais e resolvi voltar ao banco’, contou.

‘Dzeko saiu do jogo realmente nervoso pela substituição e começou a discutir com Mancini. Eles começaram a se xingar em línguas diferentes e o técnico não viu quando eu me sentei’, continuou o argentino.

‘Mancini estava nervoso e, quando percebeu que eu tinha me sentando, me mandou voltar a aquecer e me tratou como um cachorro. Eu me recusei a me aquecer pois já estava pronto para entrar em campo, mas ele estava irritado e começou a me xingar. Eu estava calmo, mas o técnico falou coisas horríveis para mim’, desabafou.

Tevez contou também que espera recuperar o apoio dos fãs com sua volta na terça-feira. ‘Os torcedores foram mal-informados. Eles pensaram que eu não queria jogar, e quando alguém que é pago por um clube para jogar se recusa a fazê-lo, é natural que a torcida se volte contra ele. Mas vou recuperar o apoio dos torcedores’, prometeu.

As declarações de Tevez chegam bem no momento em que a paz entre o jogador e o técnico italiano parecia ter sido restabelecida com a volta do atacante aos treinamentos. No entanto, parece que o drama vivido entre Mancini e Tevez terá mais capítulos.