Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Teoria da conspiração no sorteio vira fenômeno na internet

Vídeo que acusa manipulação na formação dos grupos já foi visto 5,4 milhões de vezes. Só faltou explicar por que as chaves ficaram tão desequilibradas...

Por Da Redação 10 dez 2013, 09h51

Desde o último fim de semana, torcedores de todo o planeta se debruçam sobre a tabela da Copa do Mundo para estudar os caminhos de suas seleções depois da definição dos grupos, na cerimônia realizada na sexta-feira na Costa do Sauípe. Para muitos, porém, a discussão não é sobre os jogos mais difíceis ou sobre o possível cruzamento das favoritas nas fases eliminatórias, mas sim sobre uma suspeita de manipulação na formação das chaves (processo que foi monitorado por auditores externos). Uma dessas teorias conspiratórias transformou-se num fenômeno na internet: o vídeo que tenta provar que o sorteio não passou de uma grande farsa contava mais de 5,4 milhões de exibições no YouTube até a manhã desta terça-feira.

De acordo com a edição, feita por um torcedor, haveria sinais de sobra para acreditar numa fraude – como, por exemplo, o fato de o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, sempre colocar as mãos por trás de uma bancada na hora de abrir a bolinha escolhida pelos oito ex-craques que selecionaram os times nos potes. Os papéis que o cartola mostraria para as câmeras, acusa o vídeo, teriam sido substituídos, num truque do francês. Só faltou explicar um aspecto essencial dessa complicada e improvável tese: por que a Fifa manipularia os grupos de forma a distribuir as 32 seleções da Copa de forma tão desequilibrada, com grupos fracos que não devem atrair nenhum interesse e chaves duríssimas que podem eliminar seleções importantes logo na primeira fase.

Leia também:

Brasil pega Croácia, México e Camarões na Copa de 2014

Continua após a publicidade

EUA terão o caminho mais longo, e a Bélgica, o mais curto

Alemanha vai suar muito; Uruguai sofrerá choque térmico

No retrospecto contra as primeiras rivais, Brasil é soberano

A melhor Copa? Talvez não. Mas será, sim, a mais difícil…

https://youtube.com/watch?v=yaJ3qpaAjG0%3Frel%3D0

Continua após a publicidade
Publicidade