Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Tenista brasileiro é suspenso por 3 anos e 9 meses por doping

Américo Lanzoni Netto, de 28 anos, terá de se afastar das quadras até o fim de março de 2020

Por Da redação 21 jul 2017, 15h52

O tenista brasileiro Américo Lanzoni Netto foi suspenso por três anos e nove meses nesta sexta-feira, por doping. Ele foi punido pela Federação Internacional de Tênis (ITF) em decisão retroativa a 24 de junho do ano passado. Assim, terá de se afastar do tênis até o fim de março de 2020.

  • Ele foi flagrado em exame antidoping durante disputa de um torneio de nível challenger, em São Paulo, em abril de 2016. Lanzoni Neto deu positivo para a substância 19-norandrosterona, proibida pela Agência Mundial Antidoping por ser um metabólito da nandrolona, um anabolizante derivado da testosterona.

    O atleta de 28 anos não tem resultados de expressão no circuito challenger e nunca somou pontos no ranking da ATP. Sua melhor performance aconteceu nas duplas. Chegou a figurar na 1.460ª colocação da ATP, em maio de 2011.

    (C0m Estadão Conteúdo)

    Continua após a publicidade
    Publicidade