Clique e assine a partir de 9,90/mês

Tênis: Murray é oficializado como novo número 1 do mundo

O tenista escocês chega ao posto mais alto da modalidade, aos 29 anos, com um título no Masters 1000 de Paris

Por Da redação - 7 nov 2016, 11h28

O Associação dos Tenistas Profissionais (ATP) atualizou nesta segunda-feira o ranking mundial, oficializando o novo número 1 do mundo: o escocês Andy Murray, que neste domingo sacramentou o posto com maestria ganhando o Masters 1000 de Paris, na França, um dos campeonatos mais importantes do circuito. Murray ultrapassa o sérvio Novak Djokovic, que ocupava a liderança desde julho de 2014. Apesar de ter perdido duas finais de Grand Slams para Djokovic em 2016 (Roland Garros e Aberto da Austrália), Murray teve ótimo desempenho nos torneios menores, e agora soma 11.185 pontos, contra 10.780 do sérvio.

Outra mudança significativa é a queda de Roger Federer, tenista com maior número de Grand Slam na história e de maior longevidade como número 1 do mundo. O suíço caiu para 16º – a primeira vez desde 2002 que Federer está fora do top 10 da ATP.

Continua após a publicidade

A atualização no ranking não representou grandes mudanças para os tenistas brasileiros: Thomaz Bellucci segue como melhor brasileiro, na 62ª posição, e Thiago Monteiro, revelação do tênis nacional, perdeu seis postos, atualmente na 87ª colocação.

(Com Gazeta Press)

Publicidade