Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Técnico do Milan exige permanência de Pato no clube

Allegri negou problemas com o jogador, que o culpou por mau rendimento

Por Da Redação 8 jan 2012, 09h39

Acusado pelo atacante Alexandre Pato de não conversar com os jogadores do Milan e contribuir para que o rendimento da equipe acabasse ficando abaixo do esperado, o técnico Massimiliano Allegri negou, neste domingo, que tenha havido qualquer discussão entre ele e o brasileiro nos vestiários rossoneros. O treinador se declarou um admirador do futebol apresentado pelo avançado e espera que sua permanência na Itália seja garantida pela diretoria do clube.

As declarações do centroavante milanês provocaram um certo desconforto no clube e o interesse declarado do Paris Saint-Germain em sua contratação poderia motivar a saída do brasileiro. Entretanto, o jogador possui um relacionamento sério com a filha do dono do Milan, Silvio Berlusconi, o que poderia dificultar as negociações com os franceses.

‘Não houve nenhuma briga com o Alexandre Pato. E se houvesse, já teria sido resolvida. Acho que ele vai ficar no Milan. Eu quero que ele fique no Milan. Acredito que seria uma permanência importante’, afirmou o treinador, em entrevista à Gazzetta dello Sport.

Além das cifras apresentadas pelo PSG, outro fator que poderia culminar na saída de Pato do Milan é a contratação do argentino Carlitos Tevez. O atacante está negociando com a equipe italiana e já teria, inclusive, acertado as bases salariais com o time. O único entrave na negociação continua sendo o Manchester City, que espera uma grande compensação financeira para liberar o polêmico avançado.

Questionado sobre a possível vinda de Tevez, Allegri desconversou e não se mostrou totalmente favorável ao acordo. ‘Conversei com o Galliani (dirigente do Milan que trata da negociação), mas sobre o nosso time e não sobre o mercado. Não sei se o Tevez vem. No entanto, acredito que ele poderia ter dificuldades no início, porque não joga há dois meses.’

Neste domingo, o Milan voltará a campo para enfrentar a Atalanta, fora de casa. O clube rossonero está na liderança do Campeonato Italiano, com 34 pontos, e torce por um tropeço da Juventus para abrir uma vantagem considerável e se isolar na ponta da competição nacional.

(Com agência GazetaPress)

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)