Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Técnico do ASA elogia time após 5 a 0, mas faz críticas ao regulamento

A estreia do técnico Heriberto da Cunha pelo ASA de Arapiraca não poderia ser melhor. Com a goleada por 5 a 0 em cima do Corinthians-AL, no primeiro confronto da semifinal do primeiro turno do Alagoano, nessa quinta-feira, o treinador fez questão de elogiar a equipe.

‘Temos de parabenizar o elenco, que conseguiu assimilar ao menos 70% daquilo que queremos. Mas temos de melhorar o passe e a saída de bola’, afirmou Heriberto, que também elogiou, particularmente, o meia Valdívia. ‘É um jogador leve, que corre o campo todo. Eu disse como queria que ele jogasse, e ele cumpriu, apertando o time adversário.’

A única ressalva do treinador ficou para o regulamente da competição. A importância do placar elástico do primeiro jogo é pequena, já que o saldo de gols, de acordo com a Federação Alagoana de Futebol, não é critério de desempate na semifinal. Caso o Corinthians vença a próxima partida por 1 a 0, o confronto vai para a prorrogação.

‘Eu não imaginava tantos gols. Só lamentamos o fato de não haver vantagem para o próximo jogo, já que o regulamento do campeonato acaba beneficiando as equipes mais defensivas, que jogam por 0 a 0, com o regulamento debaixo do braço’, finalizou.