Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Técnico da seleção de vôlei, Renan Dal Zotto é internado com Covid-19

Treinador apresentou baixa saturação e foi encaminhado a hospital; vice da CBV, Radamés Lattari, segue intubado em decorrência de complicações da doença

Por Da Redação Atualizado em 16 abr 2021, 18h12 - Publicado em 16 abr 2021, 17h53

O técnico da seleção brasileira de vôlei, Renan Dal Zotto, de 60 anos, precisou ser internado na tarde desta sexta-feira, 16, devido a uma baixa saturação de oxigênio em decorrência da Covid-19. O treinador conta com um suplemento para a respiração, em dose baixa, e tem estado considerado controlado. A informação foi dada pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV).

  • Na quarta, 14, a CBV havia comunicado que Renan estava em isolamento em sua casa e apresentava poucos sintomas da doença. Além de já ter contraído o coronavírus, ele teve uma pneumonia bacteriana diagnosticada nos últimos dias.

    O vice-presidente da entidade, Radamés Lattari, tem quadro considerado delicado. Ele está em evolução na recuperação do coronavírus, mas ainda segue “sedado, ventilando de forma espontânea e com menos pressões no respirador”. Lattari foi intubado no início da semana.

    Por conta dos dois casos, a CBV testou novamente todos os envolvidos na bolha de Saquarema para as finais da Superliga masculina. Atletas, membros de comissões técnicas, dirigentes e até funcionários testaram negativo. A decisão acontece entre EMS Taubaté Funvic e Minas Tênis Clube, que decidem o título desde quarta-feira, em série melhor de três jogos.

    Com o afastamento de Renan, os auxiliares Carlos Schwanke e Ricardo Tabach ficaram responsáveis pelos treinos da seleção brasileira que iniciou os preparativos para a Olimpíada de Tóquio. Ao todo, nove atletas já realizam os trabalhos.

    Continua após a publicidade
    Publicidade