Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Surpreso, Tirone promete nova consulta por Tardelli

O presidente do Palmeiras, Arnaldo Tirone, ficou surpreso com a entrevista de Roberto Carlos, ‘técnico-jogador’ do Anzhi, da Rússia, com a informação de que o Verdão havia chegado ao valor necessário para viabilizar a compra do atacante Diego Tardelli. O dirigente revela que a oferta feita pelo Verdão foi rejeitada.

‘Essa proposta de 4 milhões de euros foi feita faz um mês, por 50% do jogador, mas os russos queriam um valor maior. O negócio não foi para frente, aí depois fizeram uma consulta e respondi que não pagaria mais’, comentou Tirone, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Em função das palavras de Roberto Carlos, Tirone promete investigar a possibilidade de um acordo para trazer Diego Tardelli ao Palestra Itália. ‘Como há essa novidade agora, eu vou falar com a pessoa que estava intermediando as conversas, não sei, vamos ver amanhã (quarta-feira)’, revelou.

O mais curioso é que a entrevista concedida por Roberto Carlos trouxe surpresa até ao técnico Luiz Felipe Scolari. ‘O próprio Felipão me ligou para saber o que tinha acontecido e expliquei toda a história’, disse.

No entanto, a diretoria do Palmeiras ainda se preocupa com as condições financeiras para viabilizar a chegada de Tardelli. Além da compra dos direitos, o Anzhi teria exigido algumas cláusulas de bônus em função do desempenho do atacante.

‘Pelo cenário anterior, havia a obrigatoriedade do pagamento de mais 2,5 milhões de euros nesses bônus. Até por conta da falta de acordo com o Anzhi, nem chegamos a falar de salários com o jogador’, explicou Arnaldo Tirone.