Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Supervisor Daniel Freitas é efetivado como diretor executivo do Vasco

Por Da Redação 5 jan 2012, 10h09

O elenco vascaíno retornou aos trabalhos na manhã desta quinta-feira, mas o que mais chamou a atenção dos torcedores foram as movimentações da diretoria nos bastidores da equipe. Sem um diretor executivo para ocupar a vaga deixada por Rodrigo Caetano, o presidente Roberto Dinamite mudou o foco do clube e efetivou o supervisor Daniel Freitas na função.

O principal candidato para ocupar o cargo vascaíno era Ocimar Bolicenho, que estava hospedado no Rio de Janeiro para resolver as últimas pendências com o time carioca antes de assinar contrato. Entretanto, pressões internas fizeram o negócio regredir, provocando a recusa do dirigente, que já teve passagem por Santos e Atlético-PR.

A indefinição da diretoria com relação ao substituto de Caetano frustrou os planos do Cruz-Maltino, que esperava contar com um novo funcionário para estudar a vinda de novos reforços com a comissão técnica. Com isso, a solução encontrada foi a efetivação de Daniel Freitas,

Satisfeito com o trabalho que foi apresentado pelo dirigente nos bastidores, Roberto Dinamite mostrou confiança em seu trabalho e deu total apoio para que o novo diretor executivo assuma a frente de todas as negociações internas da equipe.

‘O Daniel está nessa função e preparado para isso. Ele tem todas as qualificações do profissional anterior e acredito muito no trabalho. O Vasco vai dar continuidade. Ele é diretamente responsável pelo futebol. Não dá para dizer se teremos mudanças posteriormente’, pontuou o presidente vascaíno.

Continua após a publicidade
Publicidade