Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

St-Pierre se aposenta e entrega cinturão dos meio-médios

Johny Hendricks e Robbie Lawler vão disputar o cinturão no UFC 171, em março

Por Da Redação 14 dez 2013, 12h21

“Não consigo dormir. Estou enlouquecendo. Tenho problemas e preciso ficar longe por um tempo”

O canadense Georges St-Pierre decidiu nesta sexta-feira, aos 32 anos, parar a carreira por um tempo e assim abriu mão do cinturão dos meio-médios. Ele venceu Johny Hendricks no UFC 167, na metade de novembro, em Las Vegas, e logo depois anunciou que ia cuidar de problemas pessoais e assim se afastaria dos octógonos. Assim, o chefão do UFC, Dana White, anunciou Hendricks e Robbie Lawler vão disputar o agora cinturão sem dono da categoria até 77 kg no UFC 171, dia 15 de março, em Dallas. A luta prevista para ser a principal, entre Jon Jones x Glover Teixeira, foi transferida para o UFC 172, ainda sem data.

Leia também:

UFC 167: GSP vence apertado, bate recordes e se afasta UFC 167: campeão deprimido e júri fraco estragam aniversário

St-Pierre falou estava lidando com muita pressão nos últimos anos e decidiu que precisava ficar um tempo fora das competições. “Um dia posso voltar, mas agora preciso de uma pausa. Fisicamente estou 100%, mas mentalmente sinto que não posso lutar, não sei quando estarei pronto. Preciso ter uma vida normal por um tempo.”

Leia também:

Junior Cigano diz que é ‘hora de buscar novos ares’ ‘Foi a luta da minha vida’, diz Pezão após duelo épico

Continua após a publicidade
Publicidade