Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Sport recebe o Paraná para seguir vivo na luta pelo acesso

Por Da Redação 19 nov 2011, 07h53

São apenas duas partidas até o final da Série B do Campeonato Brasileiro e o Sport Recife segue buscando o acesso para a Primeira Divisão em 2012. Para alcançar o objetivo, tem que fazer a lição de casa neste sábado, às 17 horas (de Brasília), diante do Paraná Clube, na Ilha do Retiro. Como ainda depende de tropeços de equipes como o Bragantino e o Vitória, uma derrota pode ser o fim do sonho do Leão.

O técnico Mazola Júnior teve toda a semana livre para definir o time do Rubro-Negro que vai a campo, e ainda ganhou alguns reforços. Um deles é Moacir, que foi liberado pelo departamento médico e confirmado no time titular no lugar de Renato. Esse também é o caso do meio-campista Marcelinho Paraíba, que marcou dois gols diante do Americana na última rodada, mas ficou fora de dois treinos durante a semana.

Sem ter nenhum jogador suspenso, o treinador ainda promoveu o retorno de Thiaguinho na vaga do atacante Júnior Viçosa. A única dúvida para escalar força máxima estava na lateral esquerda, disputada por Diogo e Wellington Saci, sendo que o segundo sentia dores musculares. Na manhã desta sexta-feira, no entanto, o jogador disputou o treino coletivo e foi confirmado entre os titulares.

Pelo Tricolor da Vila, mais do que simplesmente uma partida para cumprir tabela, o duelo pode valer a permanência no clube em 2012 para alguns jogadores. Com a situação eleitoral definida, a diretoria já iniciou o planejamento e isso motiva o grupo.

O técnico Guilherme Macuglia, que também deve ficar, não contará com o zagueiro Sílvio, que ficou no Paraná para resolver problemas particulares, mas conseguirá repetir a escalação que bateu o Guarani.

O zagueiro Flávio Boaventura está consciente das dificuldades que o Tricolor vai encontrar, mas garante que o time pode surpreender. ‘Sabemos que vai ser difícil jogar lá, pois o Sport ainda luta pelo acesso. Mas estamos determinados em trazer os três pontos de Recife para fechar o campeonato com uma boa pontuação. Eu gosto de jogo assim, com pressão de torcida. Temos que salientar que a camisa do Paraná também é de tradição e todos precisam respeitá-la’, concluiu.

FICHA TÉCNICA

SPORT X PARANÁ

Continua após a publicidade

Estádio: Ilha do Retiro, noRecife (PE)

Data: 19 de novembro de 2011, sábado

Horário: 17 horas (de Brasília)

Árbitro: Pericles Bassols Pegado Cortez (RJ)

Assistentes: Marco A. Santos Pessanha e Wagner de Almeida Santos (ambos do RJ)

SPORT: Magrão; Moacir, Tobi, Gabriel e Wellington Saci; Hamilton, Thiaguinho, Robston e Marcelinho Paraíba; Willians e Roberson

Técnico: Mazola Júnior

PARANÁ: Zé Carlos; Marquinho, Flávio Boaventura, Brinner e Lima; Everton Garroni, Itaqui, Cambará e Dinelson; Marinho e Giancarlo

Técnico: Guilherme Macuglia

Continua após a publicidade

Publicidade