Clique e assine a partir de 8,90/mês

Splitter imita reality show e apela a câmera para ver filho nos EUA

Por Da Redação - 20 jun 2012, 16h38

Convocado pelo técnico Rubén Magnano para defender a Seleção Brasileira nos Jogos Olímpicos de Londres-2012, Tiago Splitter não poderá acompanhar os primeiros dias de vida do filho. Para combater a saudade, o pivô do San Antonio Spurs usa uma estratégia à la Big Brother.

Antes de viajar a São Paulo para se apresentar ao time nacional, ele instalou uma câmera no berço do pequeno Benjamin, que ficou nos Estados Unidos sob os cuidados da mãe e da avó. Desta forma, Splitter tem a possibilidade de vê ver o filho a qualquer momento.

‘ está muito mais complicada que a de jogador. Ainda bem que tem skype e telefone. Até coloquei a câmera para poder vê-lo 24 horas por dia. Então, estou conseguindo acompanhar. Minha esposa e minha sogra estão cuidando dele e está tudo bem’, afirmou.

Os Jogos Olímpicos de Londres começam no próximo dia 27 de julho, mas Splitter não pretende levar à Inglaterra o pequeno Benjamin, nascido há aproximadamente uma semana. Natural de San Antonio, o garoto, filho de um brasileiro com uma espanhola, será poliglota, garante o pai.

‘Eu estava lendo sobre como ensinar três idiomas a um bebê (risos). Vou falar com ele em português, minha esposa vai falar em espanhol e ele vai ao colégio de língua inglesa. Talvez em 2013 ele já possa visitar a Espanha e o Brasil para ver todos os familiares’, disse. Splitter ainda garantiu que, caso seja jogador, o filho defenderá o Brasil.

Após perder a final da Conferência Oeste da NBA para o Oklahoma City Thunder, o jogador do San Antonio Spurs permaneceu nos Estados Unidos ao lado da esposa para acompanhar o nascimento do filho. Ainda assim, procurou seguir em atividade para manter a forma.

‘Estou bem. Continuei trabalhando nesses dias de folga em San Antonio, até para não perder o ritmo de jogo. Já treinei onteme hoje, também. Estou me sentindo bem e preparado para esses treinamentos e jogos amistosos que vêm pela frente’, declarou.

Com a apresentação de Splitter, falta apenas a chegada de Marcelinho Huertas para completar o grupo que se prepara para os Jogos Olímpicos de Londres sob o comando de Rubén Magnano. O elenco treina em São Paulo até o final de junho, quando disputa o primeiro de quatro torneios amistosos.

Continua após a publicidade
Publicidade