Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Skatista Letícia Bufoni se anima na Vila Olímpica: ‘Vai ser difícil focar’

Atleta estreante mostrou bastidores do clima de flerte no local a seus seguidores. Ginasta irlandês, por sua vez, derrubou o mito das camas 'anti-sexo'

Por Da Redação 20 jul 2021, 13h25

Os Jogos de Tóquio marcam a estreia do skate no programa olímpico e uma das esperanças de medalha do Brasil, Letícia Bufoni, não escondeu sua empolgação ao entrar na Vila Olímpica pela primeira vez. Em suas redes sociais, a skatista de 28 anos mostrou os bastidores do local que será ocupado por cerca de 18.000 hóspedes, entre atletas, comissão técnica e funcionários.

Os protocolos contra a Covid-19 impostos pelo Comitê Olímpico Internacional (COI), como a obrigatoriedade de realizar testes diários e a recomendação de utilizar máscaras e evitar aglomerações até mesmo nos refeitórios, não deve atrapalhar o famoso clima de flerte entre os competidores.

Em um dos stories postados em seu Instagram, Letícia cumprimentou atletas estrangeiros que passavam pelo local. “Foi dado o start”, brincou. “Hoje é meu primeiro dia de Vila Olímpica, estou adorando esse lugar, todo lado que você olha tem gente bonita, mulher com corpo bonito, homens com as costas largas, musculosas. Tem loiro, moreno, branco, preto, amarelo, alto, baixo…”, entusiasmou-se.

  • “Como que eu nunca vim para as Olimpíadas antes? Primeiro dia e já estou viciada. Vai ser difícil focar”, prosseguiu Bufoni, multicampeã dos X-Games, principal competição de esportes radicais, e candidata à medalha de ouro no skate street.

    Cai o mito da cama ‘anti-sexo’

    Ainda sobre os tradicionais romances na Vila Olímpica, um ginasta irlandês, Rhys McClenaghan, de 21 anos, fez questão de enterrar um rumor que surgiu nos últimos dias: o de que as camas dos quartos eram feitas de papelão reciclável para desencorajar as relações sexuais entre atletas. Tudo balela: as camas, na verdade, são capazes de suportar até 200 quilos e são parte da iniciativa do COI de realizar a edição mais sustentável dos Jogos.

    Continua após a publicidade

    Em um vídeo postado em suas redes sociais, McClenaghan pula na cama e garante: ‘Fake news”. O próprio canal dos Jogos Olímpicos agradeceu o atleta por acabar com o mito.

    Continua após a publicidade
    Publicidade