Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Simeone rejeitou proposta de 35 milhões de euros

Treinador argentino revelou que quase deixou o Atlético de Madri após derrota para o rival Real Madrid na Liga dos Campeões de 2016

O técnico argentino Diego Simeone revelou nesta quinta-feira que cogitou deixar o Atlético de Madri após a derrota para o rival Real Madrid na final da Liga dos Campeões de 2016, mas acabou recusando uma oferta de 35 milhões de euros (cerca de 116 milhões de reais pela cotação atual).

Em entrevista ao jornal esportivo espanhol AS, Simeone falou de sua dor após a derrota em Milão. “Fui à sala de imprensa e tive de atravessar a área onde o time do Real Madrid estava comemorando e sofri muito. Comecei a pensar que este ano ia ser difícil e que seria duro motivar meus jogadores”, explicou.

“Vocês têm de lembrar que, se eu quisesse ir para outro time, teria 35 milhões de motivos. Mas não saí porque não queria”. Segundo a imprensa espanhola, ele se referia a uma oferta do Paris Saint Germain, campeão francês que contratou o espanhol Unai Emery em junho.

O Atlético estava próximo da zona de rebaixamento quando o treinador argentino assumiu, em dezembro de 2011. Com Simeone, o clube terminou entre os três primeiros do Campeonato Espanhol por quatro anos seguidos e conquistou o primeiro título em 18 anos, na temporada 2013/2014. O time também chegou ao menos às quartas de final da Liga dos Campeões durante os quatro anos em que esteve no comando, e foi vice-campeão em 2014 e 2016. Neste ano, enfrentará o Leicester City, da Inglaterra, nas quartas de final.

(com Reuters)