Clique e assine com até 92% de desconto

Siena começa o Italiano com menos 6 pontos por manipulação em 2010

Por Da Redação 1 ago 2012, 19h59

O Campeonato Italiano da temporada 2012-2013 já possui um lanterna sem ao menos ter início. Isso porque o Siena deve começar a competição com seis pontos a menos em relação a todos seus adversários, já que foi punido nesta quarta-feira pela Comissão Disciplinar da Federação Italiana de Futebol. Em 2010-2011, quando lutava para subir para a Primeira Divisão, o clube foi personagem de um escândalo de manipulação de resultados.

Antonio Conte, atualmente técnico do Juventus, era comandante do Siena na ocasião e também é investigado – além dele, mais 44 atletas e 13 clubes italianos se defendem na Procuradoria Federal da Justiça Desportiva do País para evitar punições semelhantes às anunciadas nesta quarta.

Uma nova tentativa de acordo para o Siena, devedor de 20 mil euros e que perdeu seis pontos na tabela de classificação, será realizada até o final da semana. Conte, que poderia levar multa de 200 mil euros ou até três anos de suspensão, também deve buscar acordo mais brando quanto às denúncias de manipulação de resultados no Campeonato Italiano.

Massimo Mezzaroma, presidente do Siena, comentou a punição: ‘O pagamento da dívida e a punição permitem que a gente possa virar a página. Nós pagamos apenas por termos tido uma maçã podre entre os nossos membros, mas agora esta pena deve ser mais um incentivo para todos. Vamos demonstrar em campo que podemos conseguir nossa salvação, mesmo começando com este peso inicial’.

Continua após a publicidade
Publicidade