Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Sequência de três derrotas seguidas incomoda jogadores do Dragão

Por Da Redação 15 nov 2011, 13h11

Os jogadores do Atlético-GO não esconderam a frustração com a incômoda sequência de três derrotas consecutivas que o time acumulou no Campeonato Brasileiro. Após perder para Internacional, Atlético-PR e Bahia, o Dragão terá a difícil missão de conter o embalo do Santos para voltar a vencer e consolidar sua classificação na Copa Sul-americana.

Mesmo distante da zona do rebaixamento, a chances matemática de cair para a Segunda Divisão que a equipe ainda acumula no campeonato é outro ponto que incomoda os atletas goianos. O meia Joílson apontou que uma vitória nesta quinta-feira, na Vila Belmiro, será fundamental para que o time consiga permanecer na Série A e concretizar a sua ida ao torneio continental.

‘Queremos muito a vitória sobre o Santos para que o Atlético atinja o objetivo que é afastar o perigo do rebaixamento e classificar para a Sul Americana’, declarou o meia Joílson, que não teve sua escalação confirmada pelo técnico Hélio dos Anjos e deverá começar a partida contra o Santos no banco de reservas.

Na mesma linha do discurso do armador, o zagueiro Anderson pediu para que o clube esqueça as derrotas que sofreu nas últimas três rodadas e relembre os resultados surpreendentes dos goianos ao longo da competição. O time chegou a conquistar cinco vitórias seguidas no primeiro turno e inclusive venceu o Santos, por 2 a 0, na 16rodada do Brasileiro.

‘Precisamos voltar ao principio da sequência de vitórias que conquistamos e deixar as coisas ruins para trás. Todos estão dando o máximo para isso acontecer’, salientou o defensor, que terá um novo companheiro na zaga, uma vez que Gilson foi expulso contra o Bahia e terá que cumprir suspensão.

Nesta terça-feira,o Dragão realizou trabalhos técnicos no centro de treinamento do clube e agora irá folgar no período da tarde. Na quarta-feira de manhã, os jogadores retornarão aos treinamentos e, em seguida, viajarão para São Paulo, onde entrarão em regime de concentração para o duelo contra os santistas.

Continua após a publicidade
Publicidade