Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Sem chance de título, Alonso diz que vice é ‘motivação’

Por Da Redação 25 set 2011, 16h06

Por AE

Cingapura – O espanhol Fernando Alonso entrou no circuito de Marina Bay, neste domingo, como segundo colocado no Mundial de Pilotos e principal candidato a atrapalhar a conquista quase certa do alemão Sebastian Vettel na atual temporada da Fórmula 1. Mas, com a vitória de Vettel no GP de Cingapura e a sua quarta colocação, o piloto da Ferrari cai para o terceiro lugar no campeonato e não tem mais chances de título – o único que ainda briga é o inglês Jenson Button, da McLaren.

Mesmo assim, Alonso disse estar motivado para as últimas cinco provas da temporada e afirmou que lutará pelo vice-campeonato. “Vou tentar muito ser vice, essa é a minha motivação”, declarou o espanhol. “Nós temos cinco corridas difíceis pela frente, mas nossa motivação não muda. Em alguns momentos, talvez sejamos capazes de atacar, enquanto em outros teremos que nos defender, mas de qualquer forma vamos dar sempre nosso melhor.”

A temporada de 2011 não foi das melhores para o espanhol. Mesmo com alguns bons resultados, como a vitória no GP da Inglaterra e os segundos lugares em Mônaco, Valência e Nurburgring, sua Ferrari sempre deu mostras de inferioridade em relação à McLaren e, principalmente, à Red Bull.

“Claro que se a gente tivesse largado bem e algo incomum acontecesse, como fazer uma corrida perfeita, o pódio poderia ter acontecido. Mas, no momento, a realidade é que nosso carro é o terceiro em termos de performance”, admitiu Alonso.

Continua após a publicidade
Publicidade