Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Seduzido pelo desafio na China, Drogba é apresentando no Shanghai

Campeão da Liga dos Campeões da Europa, o atacante Didier Drogba foi oficialmente apresentado no Shanghai Shenhua, da China. Embora o ex-jogador do Chelsea agora receba um salário milionário – cerca de R$ 635 mil semanais -, o marfinense ressaltou que chega à Ásia por um desafio que ainda não viveu.

‘Não vim para cá pensando em ganhar muito dinheiro. Estou no clube porque é um desafio completamente diferente do que já vi na Europa antes. Esta é a ideia, há muitos desafios, mas este é um dos grandes’, discursou o novo camisa 11 da equipe, seduzido pelo planejamento apresentado pelo clube.

‘Quando olhei para o projeto e as ideias ambiciosas que o clube tem, foi quando decidi que gostaria de jogar aqui, ajudar a desenvolver o futebol na China. Sei que o país é forte em esportes, então este é um grande desafio, pois seria mais fácil para mim ficar na Europa, em outro grande clube’, acrescentou.Em sua chegada ao país, Drogba teve tratamento de destaque pelos chineses, uma vez que centenas de pessoas o receberam no aeroporto de Xangai. Aos 34 anos, o jogador acertou contrato com o clube válido por dois anos e meio. Sua estreia, de acordo com a imprensa local, pode ocorrer já na próxima semana, pela ‘Chinese FA Cup’.

No Shanghai, Drogba tentará ajudar o clube na recuperação na tabela, uma vez que na Liga Chinesa o time está a apenas um ponto da lanterna – atualmente o clube é o 13em um campeonato de 16 clubes e que já está em sua metade.

O atacante será comandado por Sergio Batista, medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008, pela seleção argentina. Em 2010, chegou a comandar a equipe principal do país, mas ficou apenas um ano no comando e cedeu lugar para Alejandro Sabella, atual comandante da equipe nacional.