Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Seattle: festa atrai 700.000, mais que população da cidade

Comemoração do título do Seahawks foi maior aglomeração pública da região

A cidade de Seattle viveu um dia histórico na quarta-feira, com uma gigantesca festa para receber os jogadores do Seahawks, equipe campeã do Super Bowl, no domingo, em Nova Jersey. O primeiro título da história da franquia, conquistado graças a uma vitória avassaladora sobre o Denver Broncos, 43 a 8, levou cerca de 700.000 pessoas ao centro – um número maior que o total de habitantes da cidade. A comemoração de quarta ficou marcada como a maior aglomeração pública da história de Seattle, que fica no extremo noroeste dos Estados Unidos. O desfile dos campeões da NFL passou perto da Space Needle, torre que se transformou em símbolo da cidade, e atraiu multidões vestidas de azul e verde, as cores da equipe. Além da qualidade da equipe, o Seattle Seahawks ficou conhecido entre os americanos nesta temporada justamente pelo fanatismo de seus torcedores, que durante o campeonato bateram um recorde mundial de ruído num estádio sem cobertura. Na quarta, eles voltaram a dar uma prova disso.

Leia também:

Seahawks arrasam Broncos e conquistam o Super Bowl

Os principais anúncios de carros no Super Bowl 2014

Instrumentos do Red Hot estavam desligados no Super Bowl

Muitos fãs acamparam durante toda a noite para guardar um lugar, enquanto outros se reuniram em varandas e janelas – ou até subiram em árvores – para ver a passagem dos campeões. A Guarda Nacional de Washington escoltava os jogadores em jipões Humvees e em outros veículos militares. O desfile se dirigiu até o CenturyLink Field, o estádio usado pelo time – a arena ficou tão cheia que foi preciso abrir o estádio de beisebol Safeco Field, dos Seattle Mariners, para que os torcedores acompanhassem a festa de comemoração em um telão. Um avião Boeing 747 pintado com as cores dos Seahawks sobrevoou o CenturyLink Field durante as comemorações. A Boeing é patrocinadora do time. O dono da equipe é Paul Allen, bilionário co-fundador da Microsoft. O técnico Pete Carroll prometeu repetir a dose no Super Bowl do ano que vem, que acontece no Arizona. “Nada vai mudar no trabalho da equipe, nem em nossa filosofia de esforço e sacrifício.. Somos uma equipe jovem, mas temos convicção de que podemos atingir nossas metas e vamos continuar assim na próxima temporada.”

(Com agência EFE)