Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Schumacher: numa data histórica, família agradece aos fãs

Alemão venceu o primeiro de seus sete títulos na Fórmula 1 há exatos 20 anos

O primeiro título de Michael Schumacher na Fórmula 1 completou vinte anos nesta quinta-feira. E, no mesmo dia desta data histórica para o ex-piloto, a família do ídolo alemão se manifestou publicamente para manifestar sua gratidão pelo apoio que vem recebendo de fãs e simpatizantes em todo mundo. O maior campeão da história da Fórmula 1 segue em recuperação depois do grave acidente de esqui sofrido em 29 de dezembro do ano passado, nos Alpes franceses. Por meio de mensagem publicada no site oficial de Schumacher, a família agradeceu a todos “por enfrentarem essa luta com ele e conosco”. O texto diz que os parentes de Schumacher “continuam impressionados” com a quantidade de mensagens de apoio que recebem diariamente e afirma: “Seguimos confiantes e esperando o melhor para Michael. A força de todos vocês nos ajuda a seguir o apoiando”.

Leia também:

Família de Schumacher gasta R$ 1,5 mi por mês com tratamento, diz jornal

Médico: Schumacher pode levar 3 anos para se recuperar

Câmera no capacete causou lesão no cérebro de Schumacher, diz jornalista

Schumacher deixa hospital e seguirá tratamento em casa

Schumacher tem melhora lenta, mas visível, diz mulher

Para celebrar o aniversário do primeiro título, o site oficial do ex-piloto publicou recordes históricos da carreira dele e estampou uma foto com o alemão no pódio. “O dia em que a Alemanha acordou campeã” foi a frase destacada na manchete da página que celebrou a conquista de 13 de novembro de 1994. “No Grande Prêmio da Austrália, Michael Schumacher se tornou o primeiro alemão coroado campeão do mundo. Foi o dia em que um piloto se tornou um astro. E uma nação de motoristas enlouqueceu pelo automobilismo. O começo de uma lenda.” A nova manifestação da família de Schumacher não trouxe informações sobre seu estado de saúde. A política de privacidade tornou rara a divulgação de boletins médicos desde a sua primeira internação depois do acidente de esqui sofrido pelo alemão na estação de Meribel, nos Alpes franceses.

(Com Estadão Conteúdo)