Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Schumacher corre risco de paralisia, diz ex-piloto francês

Philippe Streif visitou o alemão no hospital em Grenoble nesta sexta-feira e, depois de conversar com os médicos, disse que ele pode até perder a fala

Michael Schumacher está melhor, mas corre risco de paralisia total. Pelo menos é o que disse o ex-piloto de francês Phillipe Streiff depois de conversar com o médico durante visita ao alemão no hospital em Grenoble, na França. “Ninguém sabe dizer como irá sair dessa ainda. O médico me disse que ainda não sabe como a história terminará. O sangramento continua em ambos os lados do cérebro e poderia afetar a fala.”

Leia também:

Polícia interroga filho de Michael Schumacher

Schumacher sofreu colapso e foi salvo dentro do helicóptero

Schumacher completa 45 anos. Homenagens são na porta do hospital

Streiff, que sofreu um acidente em 1989 que o obrigou a usar cadeira de rodas, afirmou que os médicos realizam exames diariamente para ver como os edemas estão sendo reduzidos. “Quanto mais rápido eles forem absorvidos, menos ele ficará paralisado. Mas se a hemorragia continua por muito tempo, ele corre o risco de ficar paralisado completamente”, afirmou o corredor, que disputou 53 provas na Fórmula 1.

Leia também:

Fãs preparam homenagem a Schumacher em hospital

Área onde Schumacher sofreu acidente estava sinalizada

Quadro clínico de Schumacher é “estável”, diz empresária

Schumacher levava uma câmera em seu capacete no momento do acidente no domingo. O equipamento está com a Justiça francesa, que se nega a informar se ele estava ligado no momento da queda. Nesta sexta, a polícia francesa interrogou o filho de Schumacher, Mick, de 14 anos, que estava com ele no momento da queda. Outro garoto que estava esquiando com o grupo também foi ouvido pelas autoridades.

Leia também:

“Schumacher parou para ajudar um amigo caído”, diz empresária

Esquiadora profissional aponta os principais cuidados na prática do esporte

Nesta sexta-feira, Schumacher completou 45 anos e recebeu homenagens dos fãs. Ele está internado em coma induzido num hospital de Grenoble, na França. Nos últimos dias, os médicos não divulgaram informações sobre o estado de saúde do ex-piloto, alegando que não existem novidades na recuperação.

(Com Estadão Conteúdo)