Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Satisfeita com elenco, diretoria do Flu mira manutenção do plantel

Após um começo de ano ruim, o Fluminense conseguiu se recuperar durante o Campeonato Brasileiro e garantiu presença na próxima Libertadores. O feito agradou a diretoria do Tricolor carioca, que ficou satisfeita com o trabalho de Abel Braga à frente do clube e mostrou total confiança na permanência do treinador em 2012.

‘A avaliação dessa temporada foi boa. O princípio foi um pouco conturbado, mas o Abel Braga conseguiu trabalhar com tranqulidade e o Fluminense ficou perto do título do Brasileiro. Tivemos muitas mudanças no clube este ano e foram feito ajustes até tudo entrar no eixo. A relação com o patrocinador é ótima, pois é a terceira Libertadores seguida que iremos disputar e eles nos ajudam demais para isso’, disse o gerente de futebol Marcelo Teixeira.

O dirigente ressaltou que a prioridade do Fluminense será a Libertadores. No entanto, Marcelo Teixeira admitiu que o torneio do próximo ano será muito complicado, uma vez que fortes equipes sul-americanas voltaram a se classificar para a competição.

‘A cada ano temos a chance de conquistar um título. Em 2008, ficamos muito próximos dele, mas em 2012 será um campeonato muito difícil, com as equipes brasileiras, além do Boca Juniors e outros times de qualidade’, analisou o gerente.

Mesmo com a disputa do torneio continental, o diretor procurou avisar a torcida que as contratações do Fluminense não deverão ser de grande impacto. ‘Já estamos com o elenco muito forte. A manutenção do elenco já é um reforço grande. A volta do Wellington Nem é fortalecer o elenco. A chegada do Bruno é a grande contratação até o momento do futebol brasileiro. Vamos buscar deixar o time forte para buscar os títulos na próxima temporada.’

Entretanto, o grande reforço do Tricolor carioca poderá aparecer nos bastidores, com a chegada de Rodrigo Caetano, que saiu do Vasco na última semana. Marcelo Teixeira elogiou o profissional e vê a chegada de outro homem para sua função como algo importante no crescimento do clube.

‘O Rodrigo Caetano é o melhor profissional do país na função que eu também exerço. Ele fez um trabalho fantástico no Vasco e se ele fechar irá somar para o bem do Fluminense’, finalizou.