Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

São Silvestre chega a quase nove décadas com recorde de atletas

Pela segunda vez com largada no período da manhã e novamente com chegada na Avenida Paulista, a prova tem mais de 27.500 inscritos, de 41 países diferentes

A Corrida Internacional de São Silvestre chega nesta terça-feira à sua 89ª edição ininterrupta. Pela segunda vez com largada no período da manhã e novamente com chegada na Avenida Paulista, a prova de rua mais tradicional da América Latina terá ainda o recorde de participantes: mais de 27.500 inscritos, de 41 países diferentes.

Além de todos os estados do Brasil, a corrida terá também representantes do Quênia, Uganda, Tanzânia, Marrocos, Etiópia, Estados Unidos, Argentina, Alemanha, Suíça, Colômbia, Japão, México, Peru, Chile, França, Bélgica, Espanha, Albânia, Canadá, Gana, Holanda, Itália, África do Sul, Áustria, Barbados, Bolívia, Bósnia, Costa Rica, Dinamarca, Equador, Inglaterra, Israel, Luxemburgo, Martinica, Paraguai, Portugal, Romênia, Suécia, Uruguai e Venezuela.

Corredores de cinco países africanos lideram a elite. Os principais nomes são os atuais campeões: Edwin Kipsang (vencedor no masculino, com 44min04s) e Maurine Kipchumba (campeã do feminino, com 51min42s). A última vitória de um brasileiro na São Silvestre foi em 2010, com Marilson Gomes dos Santos.

Entre os homens, a principal esperança desse ano é Giovani dos Santos, que em 2012 só ficou atrás de três corredores do Quênia. ‘Estou bem melhor do que no ano passado. Bati meus tempos nas provas deste ano. Venho fazendo um excelente ano e espero fechá-lo com chave de ouro, no lugar mais alto do pódio da São Silvestre’, diz.

Como no ano anterior, o local da chegada e do pódio será em frente ao prédio da Fundação Cásper Líbero, no número 900 da Avenida Paulista. A largada do pelotão de elite feminino será às 8h40, vinte minutos antes dos homens.

Confira os horários de largada:

Atletas cadeirantes (feminino e masculino): 6h50

Atletas portadores de necessidades especiais: 6h55

Atletas de elite A/B feminino: 8h40

Atletas de elite A/B masculino: 9 horas

Pelotão especial (feminino e masculino): 9 horas

Atletas geral (feminino e masculino): 9 horas