Clique e assine a partir de 9,90/mês

São Paulo vence o Internacional e se aproxima dos líderes

Gol de Ganso no primeiro tempo garantiu o triunfo paulista por 1 a 0 no Beira-Rio e impediu o time gaúcho de assumir a ponta do Campeonato Brasileiro

Por Da Redação - 21 ago 2014, 01h45

Com um gol de Ganso, o São Paulo venceu o Internacional por 1 a 0 na noite desta quarta-feira, em Porto Alegre. Foi a primeira derrota do time gaúcho no Beira-Rio neste Brasileirão. A atuação sólida da equipe paulista também interrompeu uma sequência de cinco vitórias seguidas do Internacional, que perdeu a oportunidade de ultrapassar temporariamente o líder Cruzeiro, que joga nesta quinta-feira contra o Grêmio. Com o resultado, o Inter segue na vice-liderança, com 31 pontos, dois atrás do Cruzeiro. Já o São Paulo assume o terceiro lugar, com 29 pontos.

Leia também:

‘Me sinto um assassino’, diz corintiano Petros após suspensão

Brasileirão tem a menor média de gols em mais de 20 anos

Continua após a publicidade

O jogo – Fora da lista de convocados da seleção, Ganso decidiu o jogo aos 35 minutos do primeiro tempo, diante dos olhares do técnico Dunga, presente nas tribunas do estádio. No lance, o meia aproveitou o rebote do chute de Alvaro Pereira, após passe de Kaká. Quando o gol saiu, o São Paulo estava melhor no jogo, adiantando a marcação e controlando o meio de campo. Na melhor chance do Inter no primeiro tempo, Rogério defendeu bem um chute de Alex.

Na segunda etapa, os dois times tiveram gols anulados. Rafael Moura estufou as redes depois do rebote no chute de D’Alessandro, mas estava impedido. Pelo São Paulo, Alexandre Pato também marcou, mas o juiz deu falta na jogada. Enquanto o time de Muricy colocava o estreante Michel Bastos, a equipe da casa tentava o empate na base do desespero. Na melhor oportunidade, Wellington Paulista acertou o travessão em uma cabeçada. Foi a última chance clara dos anfitriões.

Na próxima rodada, o São Paulo vai fazer o clássico com o Santos, domingo, no Morumbi. O Inter tentará retomar as vitórias diante do Atlético Mineiro, sábado, no Independência.

(Com Estadão Conteúdo)

Publicidade