Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

São Paulo lamenta gol no fim, mas crê em classificação

Por AE

Fortaleza – O São Paulo segurou o empate com o Ceará até os instantes finais, mas um gol marcado pelo atacante Marcelo Nicácio aos 48 minutos do segundo tempo levou a equipe a ser derrotada por 2 a 1 no jogo de ida do confronto pela Copa Sul-Americana, na noite de quarta-feira. Apesar de ter lamentado o tropeço, o técnico Adílson Batista exaltou a superação da equipe em Fortaleza e a importância de ter feito um gol como visitante.

“Não era o resultados que gostaríamos, mas fizemos um gol fora de casa. Temos que destacar o espírito guerreiro, de luta, de entrega, de superação, de buscar o gol mesmo sendo pressionado”, afirmou o treinador, que viu o time ficar em campo com um jogador a menos logo no começo do segundo tempo por conta da expulsão do volante Denilson.

Com a escassez de zagueiros no elenco, o São Paulo perdeu Rhodolfo, que se contundiu durante o duelo, o que provocou a entrada de Jean e a improvisação do lateral-direito Iván Piris na zaga. “Com o apoio da nossa torcida eu tenho certeza que vamos conseguir esta classificação. Lutamos demais hoje (quarta-feira). Temos chances ainda”, comentou Rhodolfo.

Já o goleiro Rogério Ceni lamentou que o São Paulo não tenha conseguido suportar a pressão do Ceará nos minutos finais do duelo. “Perdemos o Rhodolfo, que era importante. Depois ficamos com dez jogadores. Era para aguentar mais um pouco. Tomamos o gol no último minuto. Vamos tentar reverter este resultado na volta”, disse.

São Paulo e Ceará voltam a se enfrentar pela Copa Sul-Americana em 24 de agosto, no Estádio do Morumbi. A equipe paulista precisa de um triunfo por 1 a 0 ou por dois ou mais gols de diferença para avançar às oitavas de final. Pelo Campeonato Brasileiro, o time entra em campo no sábado, em casa, contra o Atlético Paranaense.