Clique e assine com até 92% de desconto

São Paulo joga para confirmar liderança no Paulistão

Por Da Redação 15 abr 2012, 07h45

Por Bruno Deiro

São Paulo – A lesão de Luis Fabiano logo no terceiro jogo do Paulistão, dias depois de Rogério Ceni ter passado por cirurgia no ombro, parecia um sinal de que o início de ano do São Paulo seria dos mais duros. O time, porém, superou até novos problemas médicos para encerrar a primeira fase da competição com a chance de obter uma sequência inédita de 12 vitórias. O adversário deste domingo é o Linense, às 16 horas, em Lins.

Além da série de vitórias, o São Paulo depende apenas de suas forças para terminar a fase de classificação do Paulistão na liderança, o que daria a vantagem de decidir em casa até a final do campeonato. Para isso, basta ganhar do Linense neste domingo.

O técnico Emerson Leão sabe que o feito será facilmente esquecido caso o título não venha, mas trata a campanha do São Paulo na primeira fase do Paulistão como um trunfo. “Para mim, termina um campeonato à parte neste domingo”, admitiu o treinador. “Da outra vez (em 2005), acabou o turno e fomos campeões. Agora, ainda temos uma fase decisiva pela frente.”

O técnico se refere à última conquista do São Paulo no Paulistão, em sua primeira passagem pelo clube. Naquela edição de 2005, o time somou 45 pontos em 19 partidas para levantar a taça, em fase única. Desta vez, pode chegar a 46 pontos.

No ano passado, o São Paulo terminou a primeira fase na liderança, o que não impediu o clube de mergulhar numa forte crise semanas depois: a queda para o Santos no Paulistão e para o Avaí na Copa do Brasil quase derrubaram o técnico Carpegiani, que até então não sofria críticas a seu trabalho.

Desta vez, Leão se preocupa menos em obter a sequência histórica do que em manter o embalo para a fase decisiva. No jogo contra o Bahia de Feira, na última quarta-feira, pela Copa do Brasil, ele identificou falta de vontade depois de o time ter garantido boa vantagem (vencia por 4 a 1 e levou um gol com um jogador a mais em campo). Após a partida, não poupou o elenco de críticas.

Com poucas opções no elenco, o São Paulo não tem poupado seus atletas neste início de ano. Sem os suspensos Cícero e Casemiro, além da possível ausência de Fernandinho, Leão deve dar chance a Maicon, Osvaldo e Rodrigo Caio neste domingo.

Para os dois primeiros, que chegaram como reforços no início do ano, é uma rara oportunidade de iniciar como titulares. O momento não poderia ser mais favorável: contra o Bahia de Feira, Maicon e Osvaldo marcaram pela primeira vez com a camisa são-paulina. Já Rodrigo Caio, que vinha atuando como lateral-direito, tem a chance de mostrar serviço como volante, sua posição de origem.

Continua após a publicidade
Publicidade