Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

São Paulo conta com tabu no Moisés Lucarelli: não perde desde 2005

Por Da Redação 25 abr 2012, 10h41

Para largar bem na disputa por uma vaga nas quartas de final da Copa do Brasil, o São Paulo conta com um histórico recente animador no local do jogo desta quinta-feira, contra a Ponte Preta. O time não é derrotado no estádio Moisés Lucarelli desde 19 de outubro de 2005.

O último tropeço do Tricolor na casa da Macaca ocorreu durante o Campeonato Brasileiro disputado há sete anos, quando a equipe alvinegra balançou as redes com Elson e Izaias para fazer 2 a 0. Naquele momento, o elenco paulistano, então campeão da Libertadores, já se preparava para disputar o Mundial de Clubes.

Desde então, o São Paulo foi cinco vezes ao Moisés Lucarelli. Venceu os anfitriões por 2 a 1 no Campeonato Paulista de 2006, 3 a 1 no Brasileiro de 2006, 2 a 0 no Paulista de 2010 e 3 a 1 no Estadual deste ano. Em meio ao tabu, ainda ficou no 0 a 0 como visitante em Campinas diante da Ponte Preta no Paulistão de 2008.

O retrospecto geral no estádio da Macaca também é um ponto positivo para o Tricolor: em 63 partidas, são 23 vitórias, 27 empates e 13 derrotas, com 93 gols dos visitantes e 73 dos campineiros. Considerando todos os 124 confrontos já ocorridos entre os clubes em qualquer local, os são-paulinos acumulam 66 triunfos, 19 tropeços e 39 igualdades, com 224 gols paulistanos e 121 a favor da Alvinegra interiorana.

Na última derrota são-paulina no estádio da Ponte, em outubro de 2005, visando o torneio organizado pela Fifa no Japão dois meses depois, o técnico Paulo Autuori poupou alguns titulares e escalou o volante Denilson, que tinha 17 anos e hoje defende novamente a equipe do Morumbi emprestado pelo Arsenal, da Inglaterra.

O camisa 15, contudo, esteve presente no sucesso da última visita à arena ponte-pretana: vitória por 3 a 1 pela primeira fase do Campeonato Paulista, com dois gols de Willian José e outro de Lucas com passe do centroavante, que substituía o machucado Luis Fabiano e deve ficar no banco de reservas nesta quinta-feira.

O duelo do último dia 5 de fevereiro gera uma boa expectativa no grupo comandado por Emerson Leão. ‘Sabemos que será um jogo difícil lá. Já vencemos este ano em Campinas, mas cada jogo tem uma história e precisamos entrar focados sempre. Temos que voltar com um bom resultado para decidir bem no Morumbi’, falou Lucas, pensando no jogo de volta das oitavas de final em 2 de maio.

Continua após a publicidade

Publicidade