Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

São Paulo anuncia permanência de Carpegiani

Apesar da pressão interna, clube decide manter o treinador para o Campeonato Brasileiro

Por Da Redação 16 Maio 2011, 16h48

A diretoria do São Paulo decidiu manter o Paulo César Carpegiani no comando do time. No calor da desclassificação pela Copa do Brasil, a demissão do treinador era dada como certa. A notícia foi espalhada por dirigentes da equipe. O presidente do clube, Juvenal Juvêncio, chegou a cogitar contratar algum técnico empregado em outro clube.

O desgaste ficou ainda maior por causa das fortes críticas do pentacampeão mundial Rivaldo logo após a derrota para o Avaí. O meia, que está na reserva, disse se sentir humilhado por não ter uma chance no time titular.

Uma reunião nesta segunda-feira à tarde aparou as arestas. Carpegiani, Rivaldo e Juvêncio se acertaram. E, pelo menos por enquanto, o treinador segue à frente do Tricolor e inicia o trabalho para o Campeonato Brasileiro.

Apesar de ter sido mantido, Carpegiani segue pressionado. Torcedores picharam os muros do clubes com críticas ao treinador. Parte dos dirigentes segue descontente com seu trabalho à frente do elenco após as eliminações na semifinal do Campeonato Paulista (contra o Santos) e nas quartas de final da Copa do Brasil (diante do Avaí).

Um dos fatores relevantes para a permanência de Carpegiani foi a dificuldade constatada pelo São Paulo no mercado para a contratação de um novo treinador. Dorival Junior e Cuca eram os favoritos, mas seguem decidiram seguir no Atlético Mineiro e Cruzeiro, respectivamente. (Com agência Gazeta Press)

Continua após a publicidade

Publicidade