Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Santos deve aproveitar viagem para contratar lateral japonês

O Santos iniciou na noite desta segunda-feira a sua viagem rumo a disputa do Mundial de Clubes da Fifa, no Japão. Mas, além de brigar pelo terceiro título mundial de sua história, o Peixe pode voltar ao Brasil com outras novidades na bagagem, após o final do torneio. Isto porque a diretoria santista está interessada na contratação do lateral direito Hiroki Sakai, do Kashiwa Reysol, do Japão.

Sakai tem 21 anos de idade e, mesmo sendo ala direito, é versátil e tem facilidade de atuar pela lateral esquerda também. ‘Há um mês mandamos uma equipe de trabalho, para definir algumas questões da nossa viagem ao Japão, e eles assistiram alguns jogos. O Nei (Pandolfo, gerente de futebol alvinegro) viu o Sakai e ficou bem impressionado. Ele tem qualidade e é novo. É o que está mais perto de ser contratado’, disse o vice-presidente do clube, Odílio Rodrigues.

Curiosamente, Hiroki Sakai joga no time que pode ser o adversário do Santos nas semifinais do Mundial, dia 14, em Toyota. Campeão japonês, o Kashiwa Reysol irá enfrentar o Auckland City (Nova Zelândia) e, caso supere essa fase, decide contra o Monterrey (México) quem será o rival do Peixe para chegar à final do campeonato.

Vale lembrar que a contratação de um atleta japonês também seria uma estratégia de marketing dos santistas para se aproximar do mercado asiático. A equipe da Vila Belmiro acredita que com um jogador nipônico no seu elenco, atuando ao lado de craques como Paulo Henrique Ganso e Neymar, os japoneses ficariam mais interessados e isso criaria um vínculo com o Alvinegro Praiano. Além disso, a negociação valorizaria o lateral no mercado.

Os últimos detalhes da transação devem mesmo ser definidos durante a disputa do Mundial. A ideia é que Hiroki Takai chegue por empréstimo de um ano ao Santos.

Além de Sakai para a ala direita, o Peixe também busca reforços em outras posições. No entanto, a lateral direita é a prioridade, até mesmo por conta da iminente saída de Danilo para o Porto, de Portugal. Jonas, do Coritiba, é outro nome bem cotado para o setor pela cúpula santista.