Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Santos critica Ganso e diz que não ouvirá mais propostas

Em nota, a diretoria santista decretou que o meia só sai pelo valor da multa

O Santos divulgou um comunicado em seu site oficial na noite desta sexta-feira negando qualquer intenção de negociar Paulo Henrique Ganso por um valor abaixo da multa estabelecida em contrato. O clube afirmou que aceitou ouvir uma oferta do São Paulo “pela elegância que rege o relacionamento” entre as equipes, mas que, a partir de agora, não receberá mais propostas pelo meia. Na nota, o Santos ainda criticou Ganso pela recente declaração do jogador, afirmando que “seria um prazer” jogar na equipe rival.

O meio-campista tem contrato com o clube da Vila Belmiro até fevereiro de 2015. A multa rescisória para clubes brasileiros é de 53 milhões, mas o Santos possui apenas 45% do passe do meia — o equivalente a 23,8 milhões de reais. “O Santos afirma que não ouvirá mais propostas. Reafirmamos: o rompimento do contrato só se viabilizará diante do pagamento integral da multa”, escreveu o clube. Na quarta-feira, o São Paulo oficializou uma proposta de 11 milhões de reais pelo jogador e recebou uma negativa imediata do clube alvinegro.

Puxão de orelha – No comunicado, a diretoria santista aproveitou para criticar Ganso, que no desembarque da equipe após o primeiro jogo da final da Recopa, contra o Universidad, afirmou que seria um prazer jogar no São Paulo. “Em nome de sua torcida apaixonada, o Santos FC também lamenta as declarações do atleta.”