Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Santiago será candidata a sede do Pan de 2019

Santiago do Chile, 2 mar (EFE).- As autoridades esportivas do Chile confirmaram nesta sexta-feira que Santiago, a capital do país, será candidata a sediar os Jogos Pan-Americanos de 2019.

A apresentação da candidatura será concretizada na próxima semana, durante a reunião da Organização Esportiva Pan-Americana (Odepa) no México, segundo o subsecretário de Esportes chileno, Gabriel Ruiz-Tagle, que participará do encontro junto ao presidente do Comitê Olímpico do Chile (COCH), Neven Ilic.

Em declarações ao jornal ‘El Mercurio’, Ruiz-Tagle revelou que a candidatura de Santiago terá como base a infraestrutura que está sendo construída para os Jogos Sul-Americanos de 2014, que serão organizados pela capital chilena.

Os Jogos Sul-Americanos demandarão um investimento de US$ 50 milhões para construção de novas instalações esportivas, que, de acordo com Ruiz-Tagle, serão ampliados caso o país consiga receber o Pan. Neste caso, o investimento seria de US$ 500 milhões, de acordo com o subsecretário, que informou ainda que a decisão de tentar sediar o evento foi do presidente Sebastián Piñera.

‘O presidente nos pediu todo nosso esforço para que o Chile seja sede’, disse Ruiz-Tagle, que considerou óbvio que haja outros concorrentes fortes, como Lima, Rosário (Argentina) e talvez Bogotá, assim como Montevidéu e Mayagüez (Porto Rico).

O Chile renunciou duas vezes como sede dos Jogos Pan-Americanos, ambas durante a ditadura de Augusto Pinochet. Em 1975, o regime negou ao COCH a verba comprometida anteriormente para organizar o evento e em 1987, devido a conflitos entre a estatal Direção de Esportes e Recreação (Digeder) e o comitê, que já em 1983 desistiu de organizá-los. EFE