Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Sabre por equipes dá 3.º bronze ao Brasil na esgrima

Por AE

Guadalajara – A esgrima brasileira repetiu o desempenho obtido em casa, no Pan do Rio, e encerrou os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara com três bronzes. Neste sábado, a terceira medalha do Brasil na modalidade veio com a equipe masculina de sabre, que venceu a Venezuela na disputa pelo terceiro lugar por 45 a 44.

A vitória veio apenas no último jogo, quando Renzo Agresta venceu Carlos Bravo por 6 a 4 e reverteu uma vantagem de um ponto que tinha a Venezuela antes deste confronto. O time brasileiro que chegou ao bronze tem também Willian de Moraes e Tywilliam Pacheco. Nas quartas de final, eles haviam vencido o Chile, por 45 a 19. Em seguida, pela semifinal, derrota por 45 a 36 para os EUA.

Desde 1975 o Brasil não conquistava medalha por equipes em Jogos Pan-Americanos. Em Guadalajara, foram dois bronzes, uma vez que a equipe de florete masculino havia subido ao terceiro lugar do pódio na sexta-feira. A outra medalha do Brasil na modalidade foi com Guilherme Toldo, no florete individual.

Na disputa por equipes femininas de espada, também neste sábado, o Brasil terminou na sétima colocação. Nas quartas-de-final, Amanda Simeão, Clarisse de Menezes e Rayssa de Oliveira fizeram uma disputa acirrada diante da Argentina, mas acabaram superadas por 39 a 38.