Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Ryan Lochte pede desculpas por mentir sobre assalto

Em sua conta no Instagram, o atleta disse que sente muito por seu comportamento e por não ter sido “mais cuidadoso” ao descrever o ocorrido

Por Da redação Atualizado em 19 ago 2016, 18h56 - Publicado em 19 ago 2016, 11h51

O nadador americano Ryan Lochte pediu desculpas nesta sexta-feira por mentir sobre um assalto de que teria sido vítima no Rio de Janeiro. Por meio de sua conta no Instagram, o atleta disse que sente muito por seu comportamento e por não ter sido “mais cuidadoso” ao descrever o ocorrido. Lochte e outros três nadadores inventaram a história de um roubo a mão armada para tentar acobertar a depredação de um posto de gasolina na Barra da Tijuca.

Leia também:
Lochte pode perder 32 milhões de reais em acordos publicitários
Comitê Olímpico dos EUA pede desculpas ao Brasil por nadadores

Na nota, o atleta ainda afirma que esperou para publicar o pedido de desculpas até que fosse confirmada a sua situação legal e que seus companheiros fossem liberados para voltar aos Estados Unidos. “É traumático sair de madrugada com seus amigos em um país estrangeiro – com outra língua – e ter um estranho apontando uma arma para você pedindo dinheiro para que você possa ir embora. Independentemente do comportamento de todos naquela noite, eu deveria ter sido muito mais responsável e, por isso, peço desculpas aos meus companheiros de time, fãs, competidores, patrocinadores e anfitriões desse grande evento. Eu tenho muito orgulho de representar meu país em uma competição olímpica e essa era uma situação que poderia e deveria ter sido evitada. Eu assumo a responsabilidade pelo que aconteceu e aprendi algumas lições valiosas”, afirmou o nadador na rede social.

Confira abaixo a publicação do atleta:

View this post on Instagram

A post shared by Ryan Lochte (@ryanlochte) on

Continua após a publicidade
Publicidade