Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Roth projeta dificuldades no jogo contra Timbu e pensa em mudar time

Por Da Redação - 23 maio 2012, 09h47

O técnico Celso Roth acredita que o Cruzeiro terá muitas dificuldades na partida do próximo sábado, contra o Náutico. Segundo o treinador celeste, a pressão da torcida do Timbu e as condições do gramado do estádio dos Aflitos devem complicar ainda mais a vida da Raposa, que vem buscando um equilíbrio para voltar a atuar bem. Roth argumenta que a parte física pode ser mais decisiva neste confronto que a técnica.

‘Já passamos isso para os jogadores, conversamos no início do treino. Não sei como está a qualidade do gramado dos Aflitos, sei que tinham arrumado há algum tempo. Independente disso, é sempre um jogo de muita disputa física, ousaria dizer primeiro entra a parte física e depois a técnica. Vai ser uma partida muito disputada, corrida, na base da disposição e marcação’, declarou.

Pensando desta forma, Celso Roth pensa em mudar o time do Cruzeiro para se adequar as condições que serão enfrentadas. ‘Vai nos exigir um comportamento diferente, até mesmo na composição da equipe, talvez. Temos está quarta-feira e na quinta-feira para definir essa situação’, disse.

Depois de empatar em casa em 0 a 0 com o Atlético-GO, a primeira vitória celeste no Brasileiro é considerada muito importante nesta partida para recuperar os pontos perdidos em casa. ‘A vitória diante do Náutico se tornou ainda mais importante depois que não conseguimos a vitória em casa. Deixamos para trás dois pontos importantes nesse início do campeonato’, afirmou.

Publicidade