Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Roth admite dificuldades no Independência, mas cobra vitórias

O técnico Celso Roth revelou preocupação com as exibições do Cruzeiro no Estádio Independência, local do duelo deste domingo, contra o Flamengo. Nos três jogos que realizou na nova casa do futebol mineiro, neste Brasileiro, a Raposa somou uma vitória e duas derrotas, aproveitamento que não tem agradado. Para o treinador celeste, o time ainda não aprendeu a atuar no campo do Horto, que tem pressão da torcida e dimensões inferiores a de outros campos.

‘O Cruzeiro ainda não sabe jogar no Independência. Temos dificuldades de jogar lá, mas vamos ver se conseguimos neste fim de semana ter um aproveitamento melhor. O jogo fica rápido, de muita disputa, e tem a dimensão do campo, do estádio. No somatório, tem a pressão e não conseguimos resultado ainda. Vamos ver se conseguimos agora’, declarou.

Roth lembra que para chegar ao G4 e brigar pelo título, é importante vencer os jogos em casa. ‘É claro que a gente exagera quando dizemos que ainda não estamos acostumados no Independência. Temos duas derrotas em casa, e isso é preocupante. Em campeonato por pontos corridos, temos que fazer o dever de casa. Retomar esse caminho, isso que me preocupa, é fazer pontos em casa’, disse.

Questionado sobre o elenco do Cruzeiro, Celso Roth aprovou os jogadores que tem em mãos e acredita que não é por causa do elenco que as vitórias não tem chegado no Independência. O treinador alega que o que está faltando é que todos os atletas tenham a mesma condição, inclusive os reforços que chegaram recentemente, casos de Borges, Ceará e Sandro Silva.

‘Bom, muito bom. Mesmo que a gente ainda não tenha todos numa mesma condição, alguns jogadores estão chegando. Mas eu acho que nós temos um grupo que está começando a ficar com a cara do Cruzeiro, mesmo tendo essa dificuldade da chegada de jogadores. É isso que a gente pensa, porque as contratações, as últimas e todas as que nós fizemos, foram com essa intenção, de melhorar a qualidade do grupo, que já tinha qualidade’, disse.