Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ronaldinho diz levar só ‘coisas boas’ do Flamengo

Após rescindir unilateralmente seu contrato com o Flamengo, Ronaldinho Gaúcho evitou maiores atritos com a diretoria e afirmou na noite desta quinta-feira que deixará o clube guardando apenas “coisas boas” na memória.

“Foi um perigo curto, mas feliz. Conquistei dois títulos importantes [Taça Rio e Taça Guanabara de 2011]. Prefiro ficar somente com as coisas boas que o Flamengo me deu”, declarou o meia-atacante, em entrevista ao Jornal Nacional, sem mencionar as vaias recebidas nos últimos dias. “Só tenho a agradecer porque, em todos os lugares que vou, os torcedores me tratam com carinho”.

Sem citar as razões que fizeram deixar o clube, Ronaldinho disse que se sentia pressionado a tomar uma atitude. “Tinha que tomar uma decisão. Agora é pensar em qual vai ser o próximo passo”, declarou o atleta, cujo contrato se encerraria inicialmente em dezembro de 2014.

O jogador decidiu rescindir o contrato por causa dos salários atrasados. Segundo sua advogada, Gislaine Nunes, o Flamengo estaria devendo cinco meses de direitos de imagem, cinco meses de FGTS, 12 meses de INSS, e parte do 13º salário. Ao anunciar a rescisão, Ronaldinho teria cobrado pagamento de 40 milhões de reais ao clube.

Apesar do baixo rendimento nos últimos meses, Ronaldinho negou que vá encerrar a carreira precocemente. “Ainda está longe [a aposentadoria], me imagino jogando mais alguns anos. Agora é planejar o futuro com calma, tranquilidade”, declarou o jogador de 32 anos.

Antes da entrevista à TV Globo, Ronaldinho já havia agradecido o apoio da torcida e do clube em sua página no Twitter. “Agradeço mais uma vez todo o apoio que recebi desde que cheguei à Gávea e digo, de coração, que jogar pelo Flamengo foi uma honra”, destacou.

O atleta chegou ao Flamengo em janeiro de 2011, após ser cobiçado por Grêmio e Palmeiras, que também tentavam repatriá-lo. Recebido com festa pela torcida, ele conquistou o título do Campeonato Carioca no ano passado e, com boas atuações, voltou a ser lembrado para a seleção brasileira.

Neste ano, porém, não conseguiu repetir o mesmo desempenho no Flamengo, irritou a torcida, se envolveu em várias polêmicas com o ex-técnico do time Vanderlei Luxemburgo, e com Joel Santana, atual treinador da equipe, e com a diretoria. Assim, a saída parecia cada vez mais perto, o que foi oficializado nesta quinta-feira, quando o astro conseguiu uma liminar para deixar o clube.

(Com Agência Estado)