Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Romário e Ronaldo anunciam doação de 32.000 ingressos para deficientes

Romário e Ronaldo estão entrosados nos preparativos para a Copa do Mundo de 2014. Crítico à Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o deputado federal do PSB-RJ se uniu ao membro do Comitê Organizador Local (COL) do Mundial para anunciar, nesta sexta-feira, a doação de 32.000 ingressos do torneio para deficientes físicos. Serão, em média, 500 entradas por partida, atingindo um total de US$ 12,8 milhões (R$ 23,8 milhões).

Romário havia visitado a sede do COL na semana passada, para se inteirar sobre as intenções de Ronaldo em seu novo cargo. Na ocasião, o deputado federal externou o seu desejo de privilegiar os deficientes físicos na Copa do Mundo de 2014 e logo foi atendido. A CBF, independentemente do que instituir a Lei Geral da Copa, incumbiu-se da gratuidade dos ingressos por meio da cota que tem direito a comprar da Fifa.

A distribuição dos bilhetes priorizará os deficientes físicos de baixa renda, podendo contemplar aqueles que recebem bolsa-família. Os critérios para ter direito ao benefício, no entanto, ainda não foram definidos.

Romário classificou o anúncio feito no Rio de Janeiro como a ‘maior vitória’ de seu mandato como deputado federal e prometeu não mudar a sua postura em relação à CBF. O ex-atacante é pai de Ivy Bittencourt, portadora de síndrome de Down.