Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Romário critica contratação de Gilmar Rinaldi: “Incompetente e sem personalidade”

Os dois foram companheiros na seleção brasileira e no Flamengo

Crítico recorrente da CBF, Romário, voltou a atacar a entidade, desta vez pela escolha do ex-goleiro Gilmar Rinaldi como coordenador geral de todas as seleções do Brasil. “É inadmissível Gilmar Rinaldi ser escolhido para assumir o cargo. O cara é empresário de vários jogadores. Tive o desprazer de trabalhar com ele no Flamengo, é incompetente e sem personalidade”, escreveu o ex-atacante e atual deputado federal (PSB-RJ), em sua conta no Twitter, nesta quinta-feira.

Leia também:

Marin nega demissão de Felipão: “Ele quis sair”

CBF aceita pedido de demissão e Felipão deixa seleção

Rodrigo Paiva é demitido após 12 anos na CBF

Fred lamenta fracasso: “A cicatriz fica, mas a vida segue”

O ex-jogador afirmou que Gilmar fará da CBF “um banco de negócios para defender seus interesses”. Romário e Gilmar Rinaldi foram companheiros na seleção brasileira e conquistaram o tetracampeonato mundial na Copa dos Estados Unidos, em 1994. Na ocasião, Rinaldi era reserva de Taffarel. Depois, se reencontraram no Flamengo, quando Rinaldi trabalhava como diretor, no fim da década de 1990.

Durante sua apresentação, Gilmar afirmou que não atua mais como agente de jogadores. Ele admitiu ter mandado na véspera um recado para os atletas com quem trabalhava para informar sobre a sua decisão. “Primeiro, quero deixar claro que minha atividade, que exerci por 14 anos, já não exerço mais, de agente Fifa. Comuniquei aos meus clientes e eles não entenderam nada. Minha atividade agora será somente com a seleção brasileira.”

É inadmissível Gilmar Rinaldi ser escolhido para assumir o cargo de diretor/coordenador de Seleções da CBF.

– Romário (@RomarioOnze) 17 julho 2014

O cara é empresário de vários jogadores. Tive o desprazer de trabalhar com ele no Flamengo, é incompetente e sem personalidade.

– Romário (@RomarioOnze) 17 julho 2014