Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Rival relembra Schumacher: ‘Não foi amável comigo, mas o perdoo’

Damon Hill respondeu a comentário de Felipe Massa e disse que gostaria de ter conhecido melhor o alemão, seu principal adversário na década de 90

Por Da redação 29 dez 2017, 15h59

No dia em que o acidente de Michael Schumacher completou quatro anos, um velho rival do ex-piloto alemão, que segue tratamento sigiloso em sua residência, usou as redes sociais para “perdoá-lo”. O britânico Damon Hill, campeão da Fórmula 1 em 1996, relembrou a rixa da década de 90 e disse que gostaria de ter sido mais próximo de Schumacher.

Hill, de 57 anos, respondeu a um tuíte da FIA que citava uma frase de Felipe Massa. O brasileiro se referiu a Schumacher como “uma pessoa amável” e seu “grande professor” nos tempos de Ferrari. Hill deu uma leve alfinetada no alemão, mas demonstrou compaixão pelo heptacampeão mundial, que sofreu um grave acidente de esqui em 2013.

  • “Ele não foi muito amável comigo. Mas o perdoo. Pena que nunca tenhamos conseguido nos conhecer melhor. Uma grande pena”, escreveu Hill.

    Os dois protagonizaram duelos marcantes há mais de duas décadas. Em 1994, Schumacher conseguiu seu primeiro título mundial, pela equipe Benetton, de maneira controversa.

    No último GP daquele ano, na Austrália, Schumacher liderava com um ponto de vantagem sobre Hill e, ao perder o controle do carro e perceber que seria ultrapassado pelo britânico da Williams, jogou o carro contra o adversário e ambos acabaram deixando a prova. Hill e Schumacher voltaram a se chocar diversas outras vezes até a aposentadoria do britânico, em 1999.

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade