Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Rio-2016: a consagração do vôlei, de Isaquias e a festa

Os Jogos do Rio chegam ao fim com um grande desfile de Carnaval no Maracanã

O canoista Isaquias Queiroz entra com a bandeira do Brasil durante a cerimônia de encerramento da Rio-2016 O canoista Isaquias Queiroz entra com a bandeira do Brasil durante a cerimônia de encerramento da Rio-2016

O canoista Isaquias Queiroz entra com a bandeira do Brasil durante a cerimônia de encerramento da Rio-2016 (Ezra Shaw/Getty Images)

Bom baiano – Coube a Isaquias Queiroz, vencedor de três medalhas no Rio, a honra de entrar no Maracanã com a bandeira do Brasil na cerimônia de encerramento. Foi ovacionado. Devolveu o carinho com o sorriso de menino e a a emoção de um atleta que será sempre lembrado quando formos contar a história da Rio-2016.

Cerimônia de encerramento chega ao fim ao som de 'Cidade Maravilhosa' e muito samba na passarela do Maracanã Cerimônia de encerramento chega ao fim ao som de ‘Cidade Maravilhosa’ e muito samba na passarela do Maracanã

Cerimônia de encerramento chega ao fim ao som de ‘Cidade Maravilhosa’ e muito samba na passarela do Maracanã (Pascal Le Segretain/Getty Images)

Tudo acabou em samba – Depois que a chama olímpica se apagou, o Maracanã virou o sambódromo, com atletas de todos os países dançando e fotografando a festa sem parar.

Bruno comemora com Lucarelli a conquista da medalha de ouro após vitória sobre a Itália na final do torneio olímpico Bruno comemora com Lucarelli a conquista da medalha de ouro após vitória sobre a Itália na final do torneio olímpico

Bruno comemora com Lucarelli a conquista da medalha de ouro após vitória sobre a Itália na final do torneio olímpico (Paulo Vitale/VEJA)

O tri do vôlei – O choro da seleção masculina de vôlei no pódio coroou o magnífico e longevo trabalho de Bernardinho, o treinador bicampeão olímpioc – ele venceu também em 2004. Com o ouro de 1992, são três conquistas do vôlei masculino.

Baixe gratuitamente o aplicativo de VEJA na App Store e naGoogle Play.