Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ricardo Goulart é eleito o Bola de Ouro de 2014

Meia recebeu a maior nota média do prêmio oferecido por PLACAR. Cruzeiro, Atlético-MG, São Paulo, Corinthians, Grêmio e Inter tiveram atletas premiados

O Cruzeiro mandou novamente no Brasileirão e também na premiação da Bola de Prata, o mais tradicional prêmio do futebol brasileiro, oferecido desde 1970 pela revista PLACAR, da Editora Abril, que também publica VEJA. Na tarde desta segunda-feira, o meio-campista Ricardo Goulart recebeu a Bola de Ouro, concedida ao melhor jogador da competição entre todas as posições, em cerimônia em São Paulo. Com nota média de 6,46, o atleta de 23 anos superou fortes concorrentes, como Paulo Henrique Ganso e Diego Tardelli, que brigaram pelo prêmio até a última rodada. O clube mineiro teve dois atletas na seleção ideal do campeonato, assim como o rival Atlético-MG, Corinthians, São Paulo e Grêmio. Esta foi a quarta vez que um atleta do Cruzeiro recebe o prêmio máximo – antes, Dirceu Lopes, em 1973, Alex, em 2003, e Éverton Ribeiro no ano passado, levaram a Bola de Ouro de PLACAR.

Leia também:

Brasileirão teve média de gols baixa, mas público subiu

Marcelo Grohe, Marcos Rocha, Gil, Rafael Tolói, Zé Roberto, Aranguiz, Lucas Silva, Ganso, Diego Tardelli, Guerrero e os artilheiros Barcos e Fred também receberam prêmios nesta tarde. A cerimônia ocorreu na sede do canal ESPN Brasil, outra organizadora da premiação, e contou com a participação dos ex-atletas Vampeta, Zetti, Sorín, Marques, Evair, Pita, Marcos Assunção, Zé Elias, Léo, Edmílson e Fábio Luciano. Houve também uma homenagem ao criador da Bola de Prata, o jornalista Michel Laurecnce, morto em outubro aos 76 anos. Ele foi representado pelo filho Bruno Laurence, jornalista da TV Globo.

Seleção da Bola de Prata da revista PLACAR do Brasileirão 2014 Seleção da Bola de Prata da revista PLACAR do Brasileirão 2014

Seleção da Bola de Prata da revista PLACAR do Brasileirão 2014 (/)

O regulamento do prêmio

Jornalistas da revista PlACAR e do canal pago ESPN assistem a todas as partidas do Brasileirão e atribuem notas de 0 a 10 aos jogadores. Para receber a Bola de Prata, os atletas devem ter sido avaliados em pelo menos 16 partidas. Os jogadores que deixarem seu clube antes do fim do campeonato também estarão fora da disputa. Em caso de empate na nota, leva o prêmio o jogador que tiver atuado em mais partidas. Ganhará a Bola de Ouro aquele que obtiver a melhor média dentre todas as posições.