Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Ricardo Gomes aceita proposta do São Paulo

Treinador precisa apenas resolver questões sobre sua rescisão com o Botafogo para ser anunciado oficialmente no Morumbi

Por da redação
Atualizado em 12 ago 2016, 20h18 - Publicado em 12 ago 2016, 20h02

O São Paulo, enfim, encontrou um novo treinador: Ricardo Gomes, que estava no Botafogo, aceitou proposta e deve ser anunciado oficialmente ainda nesta sexta-feira. O ex-jogador já dirigiu a equipe paulista entre 2009 e 2010 e será o substituto de Edgardo Bauza, que deixou o clube para dirigir a seleção argentina.

Ricardo Gomes deve conversar com a diretoria do Botafogo para deixar o clube sem grandes transtornos e, de preferência, sem precisar pagar a multa contratual, que é por volta de 1 milhão de reais.  O treinador não quer sair brigado, já que tem um sentimento de gratidão pelo clube que o contratou após ele sofrer um AVC, em 2011, quando treinava o Vasco.

Entretanto, Ricardo Gomes está incomodado com a falta de reforços e também com a má campanha do clube.  A forma com que a diretoria botafoguense está se portando em relação ao interesse do São Paulo também incomoda o ex-jogador da seleção brasileira. Em maio, quando foi procurado pelo Cruzeiro, o treinador recusou o convite e o Botafogo lhe deu um aumento salarial.

Curiosamente, São Paulo e Botafogo se enfrentam neste domingo, às 16h15, no Morumbi. A intenção dos dois clubes é definir a situação até sábado, para que o treinador não fique na situação delicada de comandar um jogo entre sua ex e sua futura equipe.

Continua após a publicidade

A diretoria são-paulina espera não precisar pagar a multa, mas caso não dê certo, trabalha com duas linhas. A primeira é tentar um valor menor e parcelado e uma outra opção seria fazer alguma negociação que pudesse envolver jogadores. O certo é que, independentemente da negociação, o São Paulo será comandado por André Jardine no domingo.

Ricardo Gomes teve passagem importante no clube paulista. Ele trabalhou no clube entre 2009 e 2010, quando dirigiu o time em 73 jogos, alcançando a terceira posição do Brasileiro de 2009 e foi semifinalista da Copa Libertadores no ano seguinte.

(com Estadão Conteúdo)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.