Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Reunião define saída do diretor-executivo Rodrigo Caetano do Vasco

O clima ficou quente nos bastidores do Vasco nesta quinta-feira. Uma reunião de planejamento para a temporada 2012 determinou a saída de uma peça importante da diretoria: o diretor-executivo Rodrigo Caetano está fora do clube.

‘Durante grande parte da longa reunião, nós tratamos dos planos do futebol voltados para a temporada. O último ítem era a questão da permanência do Rodrigo Caetano, que colocou questões pessoas para sair’, confirmou o vice de futebol José Hamilton Mandarino, em entrevista à Rádio Globo.

A saída de Rodrigo Caetano já era cogitada antes da definição do encontro. O dirigente estaria descontente com a postura da diretoria em relação ao futuro. O desgaste era claro.

Para a gestão de Roberto Dinamite, Rodrigo Caetano era favorável à construção de um CT para o futebol profissional. Ainda por cima, citava a negligência com as categorias de base do Vasco.

‘O Rodrigo entendeu que o seu ciclo havia terminado. Vamos procurar um nome que possa substituído, sem perdas para o clube’, emendou José Hamilton Mandarino.

No discurso de despedida, Rodrigo Caetano evitou polêmicas e agradeceu o trabalho realizado no Vasco. ‘São ciclos que se encerram, nós havíamos conversado, era algo que tinha amadurecido, principalmente depois do fim da temporada. Foram três anos de convívio, eu pude contribuir para o resgate do Vasco. Há momentos que você precisa tomar a decisão, foi algo em conjunto, por questões pessoais e profissionais. Agradeço a todos, principalmente ao torcedor do Vasco’, comentou o profissional, que ainda irá ajudar na transição de seu cargo.