Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Reserva do PSG, Lucas pode ganhar chance na Juventus

Equipes estudam troca do brasileiro pelo volante francês Pogba no fim do ano

De olho em uma vaga na Copa do Mundo, o jovem revelado pelo São Paulo precisa de uma oportunidade para voltar a mostrar serviço antes da convocação

Lucas pode estar próximo de mudar de clube e país. Contratado pelo Paris Saint-Germain no fim de 2012 por 40 milhões de euros, o brasileiro não se acertou na equipe parisiense e, depois de perder espaço também na seleção, tem chances de se transferir para o futebol italiano na próxima janela de transferências. As informações são do jornal Gazzetta dello Sport, que, nesta sexta-feira, revelou o interesse da Juventus, que espera contar com o atacante já em janeiro de 2014. De acordo com a publicação, Lucas pode ir para Turim numa negociação que envolveria o jovem Paul Pogba, que reforçaria o PSG. O clube parisiense pensa em oferecer 60 milhões de euros pelo volante, destaque dos italianos e também da seleção francesa. A ida do brasileiro para a Juventus pode facilitar o negócio, diz a reportagem da Gazzetta.

Leia também:

Leia também: Entrevista exclusiva com o atacante do PSG

A chance de troca é boa porque a Juve busca um atleta de velocidade e que atue pelas pontas para o seu elenco. Atualmente, apenas o ganês Asamoah e o italiano Giovinco podem fazer tal papel na equipe de Turim, que possui muitos meias de criação, como Pirlo, Marchisio, Vidal e Isla. Para ajudar a reforçar o setor, o clube italiano estaria procurando jogadores em baixa – e por consequência, com valor menor que o de costume. O francês Ménez, também do PSG, e o português Nani, do Manchester United, seriam as outras opções caso a transferência de Lucas não se concretize. Para o brasileiro, seria um bom negócio: após chegar ao PSG cercado de expectativas, ele participou, embora timidamente, do título francês conquistado na última temporada, mas perdeu muito espaço na equipe titular depois da contratação do técnico Laurent Blanc.

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte no Twitter

Lucas foi para a reserva e perdeu ritmo de jogo, desperdiçando as poucas oportunidades que teve no time titular. Com isso, também passou a ser preterido por Luiz Felipe Scolari, que, apesar de tê-lo utilizado como “primeiro reserva” da seleção no início de seu trabalho, não se convenceu com as atuações do atacante, que nem sequer foi convocado para os últimos amistosos do Brasil, contra Honduras e Chile. De olho em uma vaga na Copa do Mundo de 2014 – algo que antes parecia certo, mas agora está cada vez mais difícil – o jovem revelado pelo São Paulo precisa de uma oportunidade para voltar a mostrar serviço. Cogitou-se até um empréstimo de seis meses ao São Paulo no início do ano, mas, neste momento, uma possível ida à Juventus parece ser algo mais viável na avaliação d diretoria do Paris Saint-Germain.

(Com agência Gazeta Press)