Clique e assine a partir de 9,90/mês

Reintegrado ao ABC, Léo Gamalho desabafa por ter sido afastado

Por Da Redação - 10 jul 2012, 17h33

Afastado por Márcio Goiano, o atacante Léo Gamalho já voltou a treinar com a equipe do ABC após a saída do treinador. Com o novo comandante, Ademir Fonseca, o jogador espera ter novas oportunidades de mostrar o futebol que o fez vice-artilheiro da equipe no Campeonato Potiguar.

A volta aos campos traz um sentimento de alivio ao jogador, que quase deixou o ABC por não poder jogar.

‘Estava afastado do time, treinando e não encostava nem na bola. Agora estou de volta ao grupo e me sinto vivo outra vez. O jogador que não está no grupo fica chateado e comigo não foi diferente, mas respeitei todas as decisões. Teve um momento que me sentei com a diretoria para até ver minha saída do clube, pois estou aqui para ajudar e trabalhar, mas tudo foi resolvido’, lembrou.

Gamalho afirma que não havia motivo para que estivesse sido colocado para treinar separadamente.

Continua após a publicidade

‘Não sei dizer porque não fui relacionado, mas a verdade é que não sei e não quero saber. Hoje estou de volta e agora é página virada. Tenho que me dedicar para ter a oportunidade com o professor. Agora é bola para frente, trabalhar forte para entrar em campo e buscar os resultados. O que eu tenho que fazer agora é treinar forte, pois sei que o Ademir não vai me dar oportunidade se não tiver fazendo por onde’, revelou.

O atacante passou quase dois meses afastado do ABC, período durante o qual Goiano esteve à frente da equipe, e ainda não disputou nenhuma partida na Série B do Campeonat Brasileiro.

Outra volta – O lateral-esquerdo Berg, que também havia sido afastado por Márcio Goiano, foi reintegrado ao elenco a pedido de Ademir Fonseca. O treinador pretende observar todos os jogadores com contrato para armar sua equipe e recuperar o ABC no Brasileiro.

Publicidade